Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

MPF diz que Lula não cometeu crime ao chamar Bolsonaro de miliciano

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O Ministério Público Federal propôs o arquivamento do inquérito em que Sergio Moro, quando comandava o Ministério da Justiça, pediu que Lula fosse investigado com base na Lei de Segurança Nacional por crime contra a honra do presidente Jair Bolsonaro.

O petista disse, em um discurso, que não era possível que o Brasil tivesse “o desprazer de ter no governo um miliciano”, responsável pela violência “do povo pobre”e “pela morte da [ex-vereadora] Marielle”.

Moro fez o pedido logo depois que Bolsonaro afirmou que usaria a lei, da época da ditadura, contra Lula. Em sua defesa, o ex-presidente disse que não se referia a Bolsonaro ou a qualquer pessoa específica.

O MPF considerou que a fala de Lula não ameaçava a integridade nacional, a soberania, a democracia, nem o chefe do Executivo —que são os crimes previstos na Lei de Segurança Nacional.

O procurador Mario Alves Medeiros afirmou ainda que as falas de Lula fizeram “mera menção a fatos amplamente noticiados pela imprensa brasileira, a respeito de supostas ligações entre a família do presidente [Bolsonaro] e integrantes de grupos de milícia” do Rio.

“Simples pesquisa na internet revela um sem-número de publicações alusivas a esses possíveis vínculos”, diz o procurador. Para investigar Lula, seria necessário fazer o mesmo com todas as outras pessoas autoras das mesmas menções a Bolsonaro.

 

Com Folha de S. Paulo

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Exaustão, sobrecarga… por que não reconhecemos os nossos limites?

Presidente do PT é acusado de cometer etarismo contra Luiz Couto

Incidente no Restaurante Garden: entenda o que realmente aconteceu

Anteriores

forumcabeelo (1)

Segundo réu pronunciado pelo homicídio do lutador de MMA é julgado em Cabedelo

joaoalemanha

João Azevêdo abre Fórum de Internacionalização Paraíba-Alemanha e destaca investimentos em pesquisa

Cida Ramos, deputada

Cida Ramos acredita em candidatura própria do PT e diz que está confiante

Adolescente mata os pais e a irmã

Adolescente mata os pais e a irmã em SP por ficar sem computador e celular

Barreira do Castelo Branco

Obras na barreira do Castelo Branco começam hoje e trecho da BR-230 será interditado

Luciano Cartaxo 3

Luciano Cartaxo melhora, mas segue internado em João Pessoa

Ebrahim Raisi

Presidente do Irã morre aos 63 anos em queda de helicóptero

Luciano Cartaxo e Cida Ramos

Executiva Nacional do PT adia mais uma vez decisão sobre eleições em João Pessoa

UFPB-entrada-683x388

Começam hoje inscrições para concurso da UFPB com 21 vagas e salário de até R$ 11 mil

Padre Egídio preso

Justiça realiza hoje primeira audiência de instrução de Padre Egídio e ex-diretoras do Hospital Padre Zé