Mãe e irmãs de Ana Sophia são conduzidas à delegacia e aumenta especulação sobre desaparecimento

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Uma movimentação intensa foi formada em frente à delegacia de Solânea na noite de ontem. A curiosidade das pessoas foi porque a dona de casa, Maria do Socorro Gomes, mãe da garota Ana Sophia, e duas filhas foram levadas para prestar depoimento no momento em que a mulher concedia uma entrevista à jornalista Grace Abdou, da TV Record. Um agente da polícia civil avisou que o delegado Diógenes Fernandes queria falar com urgência com Maria e duas de suas filhas. As câmeras da emissora captaram o momento.

Maria é mãe de Ana Sophia Gomes dos Santos, de 8 anos, que desapareceu na tarde da terça-feira, 4, depois de ter ido brincar na casa de uma amiga perto de casa, no distrito de Roma, zona rural de Bananeiras.

Também ontem à tarde, houve uma busca na zona rural de Pilõezinhos, município que fica a cerca de 37 quilômetros de distância de onde a menina desapareceu. Lá, cães farejadores, drones e agentes da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros procuraram pistas do paradeiro de Ana Sophia.

Em Pilõezinhos, um tio da menina desaparecida tem um sítio. Ele teria recebido um telefonema estranho no momento em que prestava depoimento e as buscas determinadas pela polícia teriam relação com o rastreamento dessa ligação. Apesar disso, nada foi encontrado.

Imagens exibidas pelo Correio Manhã da TV Correio.

Leia mais:

Menina de 8 anos desaparece em Bananeiras depois de ir visitar amiga

Mistério: Força-tarefa retoma hoje buscas por Ana Sophia em Bananeiras

Bombeiros, drones e cães farejadores procuram menina desaparecida em Bananeiras

 

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

Anteriores

jucelio

MAIS LIDAS