CGU pede devolução de Controlador Geral de JP e Cartaxo estabelece período de transição

A Controladoria-Geral da União (CGU), em Brasília, enviou expediente direto ao prefeito Luciano Cartaxo, datado de 14 de janeiro, em que solicita o retorno imediato de Severino Souza de Queiroz aos quadros do órgão federal. Ele estava cedido à prefeitura de João Pessoa e ocupava o cargo de Controlador-Geral do Município. Severino Queiroz ocupa o cargo efetivo de Auditor Federal de Finanças e Controle da CGU.

Para o pedido de saída da PMJP e retorno de Queiroz aos quadros da CGU, o órgão federal argumentou carência de pessoal causada por constantes perdas de servidores e da ampliação de demandas, além de novos programas em implantação na Controladoria.

O prefeito Luciano Cartaxo (PV) conversou com o controlador Severino Queiroz e ficou estabelecido um prazo de transição. Assim, ainda não há data definida para a saída definitiva de Queiroz da CGM de João Pessoa.

Cartaxo lamentou a decisão da CGU de pedir o retorno do controlador “devido aos relevantes serviços que o mesmo vinha prestando ao município à frente da CGM.”

Queiroz estruturou a Controladoria Geral do Município (CGM), coordenou concurso público autorizado pelo prefeito; participou da criação do Portal da Transparência, além do exercício diário no controle das contas públicas do município.

O controlador Severino Queiroz também lamentou a decisão da CGU. Segundo ele, a gestão do prefeito Luciano Cartaxo ofereceu todas as condições para montar um amplo sistema de controle e transparência da administração, ações que também permitiram extrapolar os limites do município e contribuir para o início de um movimento de implantação de sistemas de controle em diversos municípios da Paraíba.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.