Romero diz que Manoel Júnior procura desculpa para renunciar

O deputado estadual Romero Rodrigues (PSDB) disse que o deputado federal Manoel Junior (PMDB) já deve estar prevendo a sua cassação por causa da “infidelidade partidária que cometeu” e está arranjando um meio de sair antes, pois apenas isso justifica o seu estranho comportamento sobre renunciar nos últimos dias. “Dizer que o governo Cássio não construiu 10 mil casas é o mesmo que dizer que o governo do chefe do deputado construiu alguma”.

“O governo Cássio não apenas construiu mais de 10 mil casas em toda a Paraíba como já tinha centenas de outras unidades habitacionais em plena execução em todas as regiões do estado”. E mais, “foram mais de 5.000 famílias beneficiadas com o cheque moradia, programa de grande alcance social que foi paralisado pelo atual governo”, disse o tucano.

“Apenas para ficar no exemplo de política habitacional”, Romero Rodrigues disse que foi no governo Cássio que mais de 55 mil famílias foram beneficiadas com a quitação das suas casas através do Programa A Casa é Sua “certamente o deputado prefere esquecer o desastre administrativo que é o governo que apóia e atacar quem de fato trabalhou pela Paraíba”, disse.

Segundo Romero, para comprovar estas informações, bastaria que o deputado se dispusesse a visitar os municípios paraibanos que tiveram casas construídas na gestão de Cássio ou que pelo menos se desse ao trabalho de consultar o número de casas construídas no órgão competente do governo do Estado que tem a frente a eficiente Socorro Gadelha, que o atual governo precisou dos seus trabalhos em caráter de urgência face a “incompetência que estava reinando na Cehap”.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.