Polícia prende na Paraíba condenado por tentar matar ex-companheira em São Paulo

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

A Polícia Civil da Paraíba prendeu em Sousa, no Sertão paraibano, na manhã deste sábado (19), um foragido da Justiça de São Paulo. O homem capturado tem 37 anos de idade e já foi sentenciado a 9 anos e 4 meses de prisão, pela Justiça paulista, por tentativa de feminicídio contra a ex-companheira na cidade de São Bernardo do Campo, em São Paulo. O crime aconteceu em 2007.

O homem estava sendo investigado pelos policiais civis paraibanos, por meio do Grupo Tático Especial (GTE) da 19ª Delegacia Seccional de Polícia Civil, sediada no município de Sousa (PB).

De acordo com a delegada seccional Alba Tânia, da 19ª DSPC, o sentenciado fugiu para a Paraíba para tentar escapar da polícia e da Justiça de São Paulo. A Polícia Civil paraibana conseguiu localizar o foragido, realizando sua prisão.

“Nossas equipes realizam constantes levantamentos de pessoas suspeitas, seja com base nas informações do Disque-Denúncia 197, da Polícia Civil, ou após troca de informações com as polícias civis de outros estados. Isso tem resultado na prisão de vários foragidos da Justiça e, consequentemente, combatido a impunidade no país”, disse Alba Tânia.

O homem preso já foi encaminhado à Colônia Penal de Sousa, para aguardar sua possível transferência ao estado de São Paulo.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

Anteriores

Fernando Haddad com covid

MAIS LIDAS