Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

ONU vê desaceleração da economia mundial e Brasil entre exceções

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Um relatório divulgado pela Organização das Nações Unidas (ONU) aponta desaceleração do crescimento econômico mundial. No entanto, para o Brasil, a tendência é positiva. O relatório compara a economia mundial a um avião que entrou em “estol”, voando tão devagar que está à beira de cair. O crescimento modesto de 2,3% previsto para 2023 atende à definição de “recessão global”, diz o texto.

Já 2024 sugere uma pequena melhora, crescimento de 2,5%, mas somente se a área do euro se recuperar e as maiores economias evitarem choques adversos. O estudo destaca que esse baixo crescimento é um dos menores das últimas quatro décadas, excetuando-se os anos de crise.

Brasil, China, Japão, México, Rússia e Índia são exceções e devem registrar crescimento. A Índia deve ter o maior crescimento, com previsão de 6,6% para este ano. Em relação ao crescimento previsto para este ano no relatório do ano passado, Brasil e Rússia tiveram os melhores resultados.

Para o Brasil, a previsão para 2023 era de 0,9% de crescimento, agora saltou para 3,3%, com 2,3% previstos para o próximo ano. A China, que cresceu 8,4% em 2021, deve crescer significativamente menos, 4,6% este ano.

O relatório expressa preocupação com a área do euro, que caiu de um crescimento de 5,4% em 2021 para apenas 0,4% este ano. Alerta que o aperto monetário na área do euro arrisca empurrar a Europa para uma recessão em 2024.

Para os Estados Unidos, o relatório vê o risco de uma forte desaceleração no segundo semestre de 2023 e um ambiente de incerteza em torno da eleição presidencial do próximo ano.

O relatório destaca a crescente desigualdade econômica e o esmagamento das economias dos países em desenvolvimento sob o peso da dívida externa.

Metade da população mundial, 3,5 bilhões de pessoas, vive em países que gastam mais com o serviço da dívida do que com saúde e educação. Por isso, cresce a dificuldade em atender necessidades críticas como segurança alimentar, proteção social e adaptação climática.

 

O Globo

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Arthur Urso leva “esposas” para passear sem roupa íntima na orla de João Pessoa

Professores da UFPB desistem de candidatura e apoiam Terezinha e Mônica

Anteriores

dracodrogas (1)

Homem é preso com 25 kg de cocaína na BR 230 entre Campina e João Pessoa

jhonyamigos

Irmão e aliados de Romero prestigiam corrida ao lado de Jhony Bezerra em Campina

serie misterio no seridó_ator itame jr

Ator de novelas da Globo grava série independente na Paraíba

vacina FOTO Secom PB

Paraíba aplicou 68,7 mil doses no “Dia D contra a Influenza e Multivacinação”

costureira FOTO Pixabay

Sine-PB oferta 471 vagas de emprego em 12 municípios paraibanos

dinheiro_real FOTO Pixabay

Bancos promovem mutirão de negociação financeira até esta segunda-feira

giroflex sirene FOTO Pixabay

Embarcação é encontrada no Pará com vários corpos em decomposição

Bilhetes de aposta da mega-sena

Paraíba tem 35 apostas ganhadoras na Mega-Sena

jerusalem_israel FOTO Pixabay

Brasil pede esforço internacional para conter tensão no Oriente Médio

torneira agua cozinha FOTO Pixabay

Fornecimento de água começa a ser retomado em bairros mais altos de Santa Rita