Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Júnior Araújo diz que decisão do TSE confirma inelegibilidade de Chico Mendes: “Cai por terra sua pré-candidatura”

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

“O óbvio se confirma”, afirma o deputado estadual Júnior Araújo (PSB) em reação a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que reafirma a inelegibilidade de prefeitos que já exerceram dois mandatos consecutivos, mesmo que desejem se candidatar em outro município.

A decisão do TSE, baseada em jurisprudência do Supremo Tribunal Federal (STF), estabelece que prefeitos que completaram dois mandatos consecutivos estão proibidos de concorrer a um terceiro, independentemente de estarem em um município diferente. Na sessão administrativa desta terça-feira (18), o Plenário do TSE, acompanhando o voto do relator, ministro Ramos Tavares, consolidou esse entendimento.

O ministro, Ramos Tavares destacou que a interpretação dos parágrafos 5º e 6º do artigo 14 da Constituição Federal limita a eleição para o cargo de prefeito a apenas dois mandatos consecutivos, permitindo, após isso, a candidatura apenas a cargos legislativos, de governador de estado ou de presidente da República, respeitado o prazo de desincompatibilização de seis meses.

Segundo o deputado estadual Júnior Araújo, que já vinha alertando a população de Cajazeiras sobre a impossibilidade de candidatura de Chico Mendes (PSB) em 2024, a decisão do TSE não foi surpresa. “Para mim, não há qualquer surpresa nesse entendimento do TSE, apenas o óbvio. Aquilo que eu já vinha afirmando há meses da impossibilidade do deputado Chico concorrer nas eleições de 2024 ao cargo de prefeito em Cajazeiras ou qualquer outro município da federação brasileira”, declarou Araújo.

Ele criticou as declarações de Chico Mendes sobre sua elegibilidade como “mentiras” e “falácias”. “Acho que agora, com a resposta em consulta realizada junto ao TSE por unanimidade, que cita expressamente caso idêntico ao do deputado Chico Mendes, cai por terra sua pré-candidatura. Mais uma vez, a verdade prevalece!” , completou.

Chico Mendes, que exerceu dois mandatos consecutivos como prefeito de São José de Piranhas e cujo atual prefeito foi seu vice em 2020, agora enfrenta claros impedimentos para uma candidatura em Cajazeiras, onde Corrinha Delfino (PP) se apresenta como pré-candidata.

A decisão do TSE reforça a necessidade de alternância no poder e a conformidade com a Constituição Federal, mantendo a integridade do processo eleitoral.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Taioba Discos inaugura primeira loja física em JP com Soft Opening exclusivo

Banco do Nordeste nomeia novo superintendente na Paraíba

Prefeito paraibano fala de “infelicidade” de ter filhos autistas e servidora acrescenta: “São doidos”

Anteriores

WhatsApp Image 2024-07-23 at 18.03.33

Agência Francesa: Cícero e Dinho assinam termo para empréstimo de 55 milhões de euros

In this photo illustration being displayed one hundred and two hundred reais bills and a one reais coin highlighted. The Real is the current money in Brazil.

Pesquisa revela que 40% dos paraibanos estão inadimplentes

Mariana-Thomaz

Pena de Johannes Dudeck é aumentada para 34 anos e seis meses

Corrida-do-Bob-Esponja-acontecera-no-dia-28-de-jul0017396700202407150610-3

Imagineland 2024 terá ônibus gratuito para transporte do público, em João Pessoa

aaaa

Criança de 4 anos morre atropelada por caminhão após descer de van, na rodovia PB-073

1280x962-20230626174815-Inscrições para o Prouni começam nesta terça-feira

Inscrições para processo seletivo do Prouni começam nesta terça

Foto - Cofeci Refoma Tributária Comissão

Reforma tributária: Presidente do Cofeci celebra conquista histórica

Gervásio e o prefeito de Mataraca, Egberto Madruga

Gervásio Maia participa de reunião na Sudene e destaca aprovação de financiamento

João Pessoa empregos

Ministério do Turismo inclui João Pessoa e Campina entre as Cidades Criativas do Brasil

OAB, vaga de desembargador

OAB-PB registra 21 candidaturas nas eleições para desembargador do TJ; confira a lista