Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Governo lança edital de licitação para obras de esgotamento sanitário de João Pessoa

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O Diário Oficial do Estado (DOE) publicou, nessa terça-feira (22), o edital de licitação para execução das obras da Estação Elevatória de Esgotos e do respectivo emissário, componentes do Sistema de Esgotamento Sanitário da cidade de João Pessoa. Serão beneficiados mais de um milhão de habitantes da Capital, de Cabedelo e de Bayeux.

A obra objetiva a melhoria operacional do sistema existente; melhoria da qualidade dos efluentes lançados do corpo receptor – Estuário do Rio Paraíba, com a ampliação da Estação de Tratamento de Esgotos do Baixo Paraíba; Ampliação das grandes Estações Elevatórias de Esgotos de João Pessoa e respectivo emissário de recalque; Reduzir o consumo de energia elétrica do Sistema; Diminuir a vazão efluente e os extravasamentos do Coletor Geral 3, que segue por gravidade entre a Avenida Rui Carneiro e a Estação Elevatória da Beira Rio.

A abertura dos envelopes das empresas interessadas em participar do edital de licitação da obra ocorrerá às 10h, do dia 19 de abril de 2022. Mais informações podem ser obtidas por meio da Comissão Especial de Licitação da Secretaria de Estado da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente (CEL PSHPB – BIRD, da SEIRHMA), na Av. Min. José Américo de Almeida s/n – DER – Torre – João Pessoa/PB – CEP: 58.040-300 e pelo telefone: (83) 3133-1258, de segunda a sexta-feira, das 08h30 às 12h e das 14h às 16h30 ou pelo e-mail: [email protected].

O aviso e o edital estão disponíveis no site da Seirhmar .

A obra faz parte do Projeto de Segurança Hídrica da Paraíba (PSHPB), que será executada com recursos do contrato assinado no dia 02 de dezembro de 2020 pelo governador João Azevêdo e o Banco Mundial (BM), no valor de aproximadamente US$ 127 milhões. Além disso, os investimentos irão permitir a execução da obra do Sistema Adutor Transparaíba, a reestruturação da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) e da Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa), bem como o reordenamento do esgoto de João Pessoa, ampliando a capacidade de tratamento da Cagepa na Capital.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

UEPB: uma crise democrática

Confusão continua: TRE nega ter chancelado posse de Raissa Lacerda na Câmara

Anteriores

PM apreende armas e celulares com facção que planejava ataques em Santa Rita

Presos suspeitos de integrar facção que planejava matar ‘rivais’ em Santa Rita

PM, força tatica

Líder criminoso do Maranhão é preso novamente pela PM em João Pessoa

TCE 2021

TCE aponta excesso de servidores contratados em 44 municípios da PB

caminhaotombado

Caminhão com asfalto tomba em vala da BR 230 em Santa Rita

apreensao1 (1)

Operação cumpre mandados de prisão contra facção criminosa na Paraíba

padrastgo

Padrasto tenta culpar ex-esposa, mas pega 42 anos por assassinato de Júlia

hugomottaeministro

Ministro informa a Hugo que Paraíba deve ganhar novo aeroporto em São Bento

fasfasg

Célio Alves promete recorrer de condenação por violência de gênero

Edicoes-coisas-pra-ajeitar-1_Easy-Resize.com_-1

PGR denúncia Pâmela Bório por associação criminosa nos atos do 08 de Janeiro

operacaocartola

Operação Cartola: Gaeco reconhece a prescrição de penas de dois acusados no caso