Dunga Júnior defende divulgação do Orçamento do Estado na internet

O deputado estadual Dunga Júnior (PTB) ocupou a tribuna da Assembleia nesta terça-feira (16) para solicitar a publicação na internet do orçamento do Estado para o próximo ano. De acordo com o parlamentar, a medida visa tornar o processo mais transparente, uma vez que a sociedade pode acompanhar mais de perto onde vão ser aplicados os recursos públicos. “Todas as vezes que estive à frente da Comissão de Orçamento publicamos o projeto na internet e montamos um calendário de atividades para que a população tomasse conhecimento”, disse.

Em sua participação na tribuna, Dunga Júnior também solicitou da equipe do atual governo para que facilite o processo de transição no Estado. Ele defende que haja um acompanhamento de todas as ações nesses últimos dois meses, principalmente no tocante aos contratos firmados pelo Estado, a exemplo das doações e os contratos de comodato. “Temos informações que alguns animais do plantel estariam sendo transferidos de Umbuzeiro para uma prefeitura do Compartimento da Borborema”, afirmou.
O deputado espera que a equipe de transição colabore e que haja uma abertura para que os novos auxiliares possam tomar conhecimento da realidade do Estado. “Já se passaram muitos dias, e vemos que o futuro governo está sendo prejudicado pela lentidão do processo”, destacou.

Por fim, o deputado parabenizou o prefeito de João Pessoa, Luciano Agra pela forma como vendo administrando a cidade. Dunga elogiou o prefeito da capital pela implantação da nova fonte do Parque Solon de Lucena e disse que o local se transformou no mais novo cartão postal do Estado. “Esta é mais uma ação da prefeitura que merece o nosso reconhecimento”, enfatizou.

Para o deputado, as famílias voltaram a se reunir na Lagoa, ao som de músicas e acompanhadas de um belo visual. Todos os deputados presentes em plenário se acostaram ao discurso de Dunga Júnior.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.