Diretorianos reagem a Anselmo e dizem que ele não os convoca há 8 meses

Um grupo formado por diretorianos do Partido dos Trabalhadores de João Pessoa emitiu uma nota na qual faz um contraponto à cobrança do presidente municipal, Anselmo Castilho, por reuniões da executiva estadual petista. Os filiados da capital paraibana dizem que faz oito meses que a instância do PT da cidade não se reúne. Para eles, contudo, esse assunto deve ser tratado no âmbito interno e não gerar um protesto público. Segue a nota:

"Nós, diretorianos do PT em João Pessoa, vimos publicamente manifestar nossa estranheza em relação às declarações do Presidente Municipal do partido, Anselmo Castilho, de crítica pública ao presidente estadual, Luiz Couto, por não ter havido recentemente reunião da instância.

Faz oito meses que a instância municipal do partido na capital, presidida por Castilho, não se reúne. Em nenhum momento pretendemos culpá-lo por este fato, preferindo conversar internamente. Em nenhum momento pretendemos fazer luta política em torno desse fato.

Entendemos que a disputa do PED – Processo Eletivo Direto do PT, prevista para 22 de novembro, não deve se dar pelo caminho do jogo sujo nem de golpe baixo. Está aberto, sim, o tempo do debate democrático, cabendo às direções partidárias a responsabilidade de bem organizá-lo.

Queremos o debate livre e democrático, dentro, logicamente, das regras partidárias.

Este debate, com certeza, contribuirá para o avanço do PT e da Paraíba. Este avanço, temos certeza, deverá apontar para a construção de novos rumos para a Paraíba, com renovação, transparência e participação popular.

Uma nova Paraíba é possível!

O PT deve assumir suas responsabilidades quanto a este processo!

Diretorianos municipais que subscrevem:

Jorge camilo
Éder Dantas
Cida Henriques
Abdon Bandeira
Pedro Clementino
Ebenezer Inocêncio
Ricardo Brindeiro
Wallene Cavalcante
Emanoel Nogueira
Idevaldo Barbosa
Maria Leide Cabral de Andrade
Nildo Andrade
Lindonjonson Araújo
Adalberto Alves
Laurineide Laureano
Antônio Júnior"

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.