Consuni força Valdiney Gouveia a suspender despejo de entidades na UFPB

O reitor da Universidade Federal da Paraíba, Valdiney Gouveia, durante reunião do Consuni, na manhã desta quarta-feira (30), foi forçado a suspender o processo de despejo da Associação dos Docentes da UFPB (Aduf), do Sindicato dos Trabalhadores em Ensino Superior (SintesPB) e do Diretório Central dos Estudantes (DCE).

“Por ampla maioria, o Conselho Universitário determinou a suspensão do despejo determinado pelo interventor Valdiney Gouveia”, disse ao ParlamentoPB Marcelino Rodrigues, diretor do SINTESPB e coordenador feral da Fasubra. A suspensão do despejo contou com a aprovação de 83% dos intengrantes do Consuni.

A suspensão deve ser mantida até a deliberação do Conselho Universitário em reunião extraordinária que deve acontecer na próxima semana.

“O Consuni restabeleceu a democracia das instituições, que sempre prezaram pelo diálogo. O interventor Valdiney Gouveia, que nós não consideramos como reitor, tem desrespeitado o Conselho Universitário de forma arbitrária”, declarou Marcelino.

Segundo ele, Valdiney vem atacando as entidades desde que assumiu a gestão da UFPB, exigindo que aso despejo ordenado pelo reitor, não

Ele questionou a dívida cobrada por Valdiney as entidades representativa dos docentes, servidores e estudantes. “Ele quer despejar as entidades cobrando uma dívida milionária que nós não reconhecemos, que não entendemos quais cálculos ele fez para chegar aos números que ele apresentou”, completou.

2 comentários

  • Julia Fernandes
    12:16

    Fora interventor!!

  • Bertrand Lira
    12:16

    Reitor bolsonarista, sem voto e ditador.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.