Candidato a prefeito de Alhandra, Branco Mendes tem registro indeferido pela Justiça Eleitoral

Após ser chamado para substituir o sobrinho, Renato Mendes, candidato à reeleição impedido de concorrer ao ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa, o candidato a prefeito de Alhandra, Branco Mendes, teve pedido de registro de candidatura indeferido pela Justiça Eleitoral.

O juiz da 73ª Zona Eleitoral em Alhandra, Antônio Eimar de Lima, indeferiu o registro alegando que o pedido foi feito fora do prazo. Mesmo que Branco Mendes tenha solicitado até o dia 26 de setembro, data limite para pedido de registro de candidatura, o magistrado aponta que a documentação exigida foi entregue apenas no dia 27, após o prazo.

Renato Mendes teve registro inderido por causa da condenação por improbidade administrativa e por ter contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB).

Nas redes sociais, Branco Mendes declarou em vídeo ao lado de Renato Mendes que vai vencer no domingo (15) e no TRE-PB, demonstrando que entrará com recurso.

O advogado Edísio Souto, que atua na defesa do deputado candidato, falou que os votos deste domingo serão computados para Branco Mendes e que já ingressou com recurso junto ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba para garantir o deferimento do registro de candidatura de Branco Mendes.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.