Amanda Rodrigues ironiza especulação sobre lustres: “Adoro fofocas sobre mim”

A ex-secretária de Finanças do Estado, Amanda Rodrigues, ironizou as especulações que surgiram no dia de ontem sobre a compra de dois lustres para o plenário da Assembleia Legislativa da Paraíba.


O caso foi divulgado pelo deputado estadual Wallber Virgolino (Patriotas) segundo o qual cada um dos itens teria sido adquirido por R$ 500 mil na gestão de Gervásio Maia (PSB). O nome de Amanda surgiu em meio à controvérsia porque segundo Wallber, os lustres teriam sido comprados na loja da mulher de um político que ele descreveu como “o mais honesto do mundo”.

Nas redes sociais, circulou o contrato social de uma loja de materiais de iluminação da qual Amanda seria sócia.

Por causa da postagem de Wallber Virgolino, o deputado federal Gervásio Maia desafiou-o a provar que os lustres teriam sido comprados pelo valor citado pelo estadual sob pena de renunciar ao mandato. Wallber disse que não aceitava o desafio porque não era deputado à época da reforma e que competiria ao ex-presidente provar que não houve superfaturamento na obra.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.