Vereador Eudes é encaminhado à UTI e terá que implantar marcapasso

O vereador José Eudes (PTB), de Cabedelo, foi encaminhado às pressas para o Hospital Memorial São Francisco, em João Pessoa, onde será internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) e submetido a uma cirurgia para a colocação de um marcapasso. Eudes sentiu-se mal, com tonturas e apresentou batimentos cardíacos fracos. Eudes tinha, na manhã de hoje, 34 batimentos por minuto. Uma frequência cardíaca baixa é aquela inferior a 60 bpm. Diante do quadro, o médico orientou a internação imediata.

“Sem o marcapasso, o médico me disse que posso ter morte súbita. Meu coração está com algum problema”, revelou Eudes ao ParlamentoPB.

O marca-passo é um pequeno microcomputador com bateria integrada que dura uns 10 anos, mais ou menos (de acordo com o uso). Ele sente a atividade elétrica do coração através de cabos eletrodos, que servem para manter o ritmo cardíaco em uma frequência mínima, para não ficar mais lento que o necessário.

Na semana passada, Eudes apresentou um atestado médico de 10 dias que foi ironizado por alguns colegas.

Eudes enfrenta problemas de saúde desde o ano passado. Em outubro ele passou por uma cirurgia para trocar uma válvula no coração, já que a que o parlamentar tinha havia sido colocada 18 anos e 8 meses atrás.

Após cirurgia de alto risco, vereador Eudes é encaminhado para UTI

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.