Veneziano recebe representante do Ministério da Saúde e discute parcerias

O prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rego, recebeu na manhã deste sábado, 21, em seu gabinete, no Palácio do Bispo, o Chefe de Gabinete do Ministério da Saúde, Mozart Sales. O objetivo do encontro foi discutir a ampliação das parcerias entre os governos federal e municipal, como forma de dar continuidade à política de assistência à Saúde prestada em Campina Grande. A reunião contou com o acompanhamento da secretária-adjunta da Saúde, Marisa Agra, e outras autoridades da saúde municipal, além do secretário-chefe de Gabinete, Ivaldo Morais. 

 
Durante o encontro, o prefeito Veneziano Vital fez uma explanação sobre as estratégias de Saúde Pública adotadas em Campina Grande, na esfera municipal; e apresentou os resultados obtidos, além das dificuldades do município, que é referência regional no campo da saúde pública, chegando a atender mensalmente a milhares de pessoas oriundas de outras regiões da Paraíba.
 
O prefeito campinense também falou sobre os programas e iniciativas adotados em Campina Grande que viraram referência nacional, a exemplo de iniciativas implantadas no Programa de Saúde da Família – PSF; e Instituto de Saúde Elpídio de Almeida – ISEA – a maternidade municipal. Ao mesmo tempo, o prefeito Veneziano vai solicitar a ampliação das parcerias já adotadas, entre a administração municipal e o governo da presidente Dilma Roussef. 
 
Por sua vez, o representante do Ministério da Saúde destacou que a meta do governo federal é efetivar a aproximação dos mais diversos entes governamentais, nos níveis federal, estadual e municipal, para a efetivação de políticas públicas de melhor qualidade, sobretudo no âmbito da atenção básica da saúde. “Queremos o diálogo entre prefeituras, governos estaduais e governo federal, mediante a construção de agendas comuns”, afirmou.
 
Para a execução desta ação, Mozart Sales informou que o governo federal está implantando um escritório em Recife (PE), onde serão atendidos e encaminhados projetos dos municípios dos Estados próximos, entre eles Paraíba e Rio Grande do Norte. Com isso, as autoridades da saúde, sobretudo do interior nordestino, evitarão deslocamentos à Brasília e haverá maior aproximação entre os entes governamentais.
 
De acordo com o prefeito campinense, esta iniciativa do Ministério da Saúde é elogiável, esperando que a partir de agora também se efetivem várias proposta de solução para antigas reivindicações de gestões municipais, como a de Campina Grande. 
 
Ele disse esperar que, entre outras iniciativas, aconteça uma pactuação capaz de fazer com que municípios como Campina Grande, seja ressarcido de procedimentos feitos em favor de cidadãos oriundos de outras regiões, mas que não dispõem das mínimas condições de assistência à saúde em suas respectivas cidades. “Estamos cumprindo rigorosamente as nossas obrigações e defendemos, evidentemente, que os diversos entes administrativos se unam e caminhem irmanados em busca de soluções comuns”, destacou, informando, ainda, que o tema será tratado brevemente em Brasília pelas autoridades municipais durante encontro no Ministério da Saúde.
 

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.