UFPB libera nesta quinta subsídio para compra de computador para 5,4 mil estudantes

 

O auxílio instrumental da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) será liberado nesta quinta-feira (22). De acordo com a reitora da federal paraibana, professora Margareth Diniz, a ordem bancária foi dada nesta terça (20).

O subsídio beneficiará 5,4 mil estudantes de cursos de graduação presenciais da UFPB em situação de vulnerabilidade socioeconômica, matriculados no Período Suplementar 2020.1, em atividades de ensino e de aprendizagem remotas. O auxílio instrumental é concedido para que os estudantes comprem computador ou tablet, a fim de acompanhar atividades remotas.

De acordo com o pró-reitor de assistência e promoção ao estudante da UFPB, o professor João Wandemberg, o cronograma do edital de auxílio instrumental precisou ser alterado devido à elevada demanda, para que a equipe de assistentes sociais da instituição de ensino tivesse condições de analisar a documentação de todos os inscritos.

O cronograma do auxílio inclusão digital também precisou ser modificado. No entanto, enquanto a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) não envia os chips para 7 mil estudantes da UFPB, a federal paraibana destinará R$ 50 por mês, a cada um deles, para que tenham acesso a serviço de internet móvel e, assim, possam acompanhar as atividades on-line do Período Suplementar 2020.1.

“A primeira parcela já foi paga. No dia 9 de outubro, apenas duas das 63 universidades federais do país havia recebido os chips. Ainda não foi informada a previsão de chegada dos dispositivos à UFPB”, conta o gestor.

A UFPB divulgou os editais de auxílio instrumental, para aquisição de equipamento de Tecnologia de Informação (TI), tais como computador (desktop e notebook) ou tablet, e de inclusão digital, para a distribuição de 7 mil SIM Cards Chip com plano mensal de dados móveis (3G/4G) de 20GB, em 26 de agosto.

Tanto o auxílio instrumental quanto o de inclusão digital são destinados aos estudantes de cursos de graduação presenciais dos quatro campus da federal paraibana em situação de vulnerabilidade socioeconômica, matriculados no Período Suplementar 2020.1, a fim de que acompanhem as aulas on-line.

Segundo a pró-reitora de graduação da federal paraibana, a professora Ariane Sá, pode ser que um novo período suplementar seja ofertado no início do próximo ano. “Até o final deste mês, iremos submeter proposta de novo período suplementar para apreciação do Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) da UFPB”, adianta a gestora.

O primeiro período suplementar da UFPB nesta quarentena ocorreu de 8 de junho até 14 de agosto. O Período Suplementar 2020.1 é o segundo da UFPB com oferta de atividades on-line neste ano. Ele teve início no dia 8 de setembro e será concluído em 16 de dezembro. De 17 a 31 de dezembro, haverá recesso referente a um terço de férias dos professores neste ano.

As atividades presenciais e os calendários acadêmicos da UFPB foram suspensos, respectivamente, em 17 de março e 20 de abril, devido à pandemia do novo coronavírus. Ainda não há previsão para início dos períodos letivos de 2020.1 e de 2020.2 na federal paraibana.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.