UFPB avalia oferta de segundo período suplementar

A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) está avaliando a oferta de segundo período suplementar. Se aprovado, as atividades remotas ocorrerão de 8 de setembro até 16 de dezembro.

A proposta foi apresentada pela Pró-reitoria de Graduação (PRG) ao Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe), em reunião nesta segunda-feira (27).

Os debates terão continuidade na próxima segunda (3) e podem ser acompanhados por meio da Sala de Reunião Virtual da Secretaria dos Órgãos Deliberativos da Administração Superior (Sods) da UFPB.

Nesse intervalo de tempo, os integrantes do conselho discutirão a proposta no âmbito das instâncias administrativas que representam, entre elas os Centro de Ensino.

“As decisões em uma universidade pública devem ser colegiadas. Assim, considero importante este momento de debates por toda comunidade acadêmica”, afirma a reitora da UFPB, professora Margareth Diniz.

O Consepe da UFPB decidiu, no dia 18 de maio, ofertar componentes curriculares e extracurriculares em atividades de ensino e de aprendizagem remotas de 8 de junho até 14 de agosto. Cerca de 18 mil alunos participaram deste primeiro período suplementar.

As atividades presenciais e os calendários acadêmicos da UFPB foram suspensos, respectivamente, em 17 de março e 20 de abril, devido à pandemia do novo coronavírus. Ainda não há previsão para início dos períodos letivos de 2020.1 e de 2020.2 na federal paraibana.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.