TRE exige defesa de Cássio em processo movido por Wilson Santiago

Depois de quase três meses, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), terá que apresentar defesa ao Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE). O TRE-PB quer que ele se manifeste no processo que pede a cassação do seu diploma, movido pelo ex-senador Wilson Santiago (PMDB). A carta precatória foi encaminhada para o gabinete do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) em Brasília.

O recurso do ex-senador Wilson Santiago não atinge apenas Cássio Cunha Lima, mas também o primeiro e segundo suplentes, respectivamente, José Gonzaga Sobrinho (Deca do Atacadão) e Ivandro Cunha Lima.

Segue o texto da carta precatória:

Diz o presidente em exercício do TRE-PB, desembargador José Di Lorenzo Serpa, em despacho publicado no diário eletrônico desta quinta-feira (12): "Assim sendo, considerando que os demais recorridos tiveram sua intimação pessoal devidamente cumprida, como determinado por decisão da Presidência deste Tribunal, em nome da boa ordem processual, determino que seja procedida a intimação do Sr. Cássio Rodrigues da Cunha Lima no Senado Federal, Casa Legislativa onde esse se encontra cumprindo seu mandato, e, para tanto, que seja expedida Carta Precatória para que a Corregedoria Regional Eleitoral do TRE do Distrito Federal cumpra a referida intimação".
 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.