Trauma de Campina alerta para risco de queimaduras durante período junino

O Hospital de Trauma de Campina Grande está realizando, durante todo o mês de junho, a Campanha de Prevenção de Queimaduras “Quem brinca com fogo pode se queimar”, com programação por meio das redes sociais. A mudança no formato da campanha ocorreu em função da pandemia de Covid-19.

De acordo com a cirurgiã plástica Isis Lacerda, da Unidade de Tratamento de Queimados (UTC) do Trauma de Campina, na época junina, os acidentes com fogos e fogueiras tornam-se responsáveis por cerca de um terço dos atendimentos na Unidade de Queimados.

Em 2020, na Unidade de Queimados do Trauma-CG foram atendidas cinco pessoas vítimas de queimaduras provocadas por fogos ou fogueiras na véspera e dia de São João, duas crianças, dois adolescentes e um adulto.

O Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes é o único em Campina Grande que possui uma Unidade de Queimados com atendimento ambulatorial e hospitalar durante 24h, atendendo à população do Compartimento da Borborema.

Dicas – A coordenação da Campanha orienta os pais a tomarem alguns cuidados para evitar que a festa termine em tragédia. Em caso de queimaduras, os pais devem evitar utilizar medicamentos sem consulta médica e, constatado o problema, o ideal é procurar imediatamente o Hospital de Trauma-CG.

Segundo os médicos, não deve ser aplicado creme dental, café, açúcar, vinagre ou outro produto similar, pois isso agrava o ferimento.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.