Tião nega desistência de Lindolfo: “Só depende do governador”

Um dos principais entusiastas da candidatura de Lindolfo Pires (DEM) à presidência da Assembleia Legislativa, o presidente do PSL e deputado estadual eleito Tião Gomes negou hoje que já tenha havido a retirada da postulação do democrata ao cargo. Fazendo muitas críticas à imprensa paraibana, a quem acusa de estar a serviço do presidente do legislativo, Tião disse que a chapa de Lindolfo teve adesões nos últimos dias e teria pulado de seis para 10 apoios. Ele também negou que a deputada Eva Gouveia tenha aderido à candidatura de Ricardo Marcelo, como anunciado pelo próprio parlamentar em entrevista coletiva:

– Eva não aderiu coisa nenhuma. Isso é invenção de Ricardo Marcelo. Ele inventa coisas e vocês da imprensa ficam dando espaço. Quando a gente [bancada governista], diz outra coisa, é tratada com chacota. O presidente da Assembleia paga à imprensa e ela só reproduz o que ele quer. Lindolfo não desistiu. É candidatíssimo. Nós temos 10 votos. Foi isso que foi dito na reunião com o governador. Ricardo Coutinho pediu que esperássemos a volta dele de Brasília para fechar questão. Eleição de Assembleia só se decide no dia. Não tem essa estória de "já ganhou". Quem decide é Ricardo Coutinho.

Outro motivo da crítica do deputado foi o anúncio de adesão de Ricardo Marcelo ao bloco governista:

– Eu nunca vi um candidato forçar a barra para aderir ao bloco do Governo. Isso nunca aconteceu. Essa adesão de Ricardo Marcelo é fajuta, interesseira, só serve para mantê-lo na disputa porque se ele não aderisse, já estaria perdido.

Mesmo insistindo que a candidatura de Lindolfo Pires permanece mantida, Tião sentenciou:

– Se o governador não entrar [no processo], estamos fora.

Nota da editoria – Como foi noticiado ontem, na reunião mantida pelo governador Ricardo Coutinho com os deputados Tião Gomes e Lindolfo Pires, além do vice-governador Rômulo Gouveia, uma das queixas apresentadas pelos governistas foi sobre o tratamento de setores da imprensa para com o deputado democrata. A editora do Parlamentopb, Cláudia Carvalho, ressaltou ao deputado Tião Gomes, diante de suas queixas, que é recomendável não nivelar por baixo o trabalho dos profissionais de Comunicação. O Parlamentopb tem se pautado pela cobertura dos fatos, dando espaço a ambas as chapas e reproduzindo as teses suscitadas por todos os atores do cenário político paraibano.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.