Soares nega aliança com PSB e reafirma candidatura de Cartaxo

O presidente do diretório estadual do Partido dos Trabalhadores (PT), Rodrigo Soares, afirmou que não existe possibilidade de ser ele ou Luciano Cartaxo, o candidato a vice-prefeito na chapa de Luciano Agra (PSB). Ele voltou a afirmar que o PT terá candidatura própria e convidou os membros do partido que ainda defendem uma aliança com o socialista a se integrarem no projeto de ser “protagonista na Capital”.

“Venham participar do grande projeto do partido. O PT quer ser protagonista das eleições municipais, particularmente em João Pessoa. Então convidamos os companheiros, vamos construir a unidade do partido. Vamos lançar uma candidatura que expresse a posição do PT, fazer o debate sobre os rumos da cidade, a questão da mobilidade urbana, do meio ambiente, saúde, qualidade de vida”, afirmou.

Acontece que companheiros de Rodrigo Soares na Capital ainda defendem a aliança com o PSB. O vereador Benilton Lucena chegou a declarar que a possibilidade de candidatura própria é mínima dentro do PT. “Defendemos esta possibilidade de alinhamento com o PSB. O deputado estadual Rodrigo Soares, juntamente com outros deputados como Luciano Cartaxo, Anísio Maia e Frei Anastácio, acreditam na possibilidade de candidatura própria. Mas nosso grupo acredita que a possibilidade de candidatura própria é mínima e nosso anseio não é a candidatura, mas sim a coligação”, afirmou.

No entanto, Rodrigo Soares é firme em negar esta possibilidade. “Nem discuto esta hipótese. Porque isso não está na nossa agenda, na nossa pauta. Nós temos avançado no diálogo interno, rumo à candidatura própria. Queremos convidar os companheiros de partido para que assuma este processo, que venham coordenar conosco este processo na Capital”, disse.

Além disso, o presidente estadual da legenda ainda afirmou que o próximo passo do PT para as eleições municipais deste ano é a busca pelas coligações com demais legendas. “Temos candidatura própria e temos nomes para disputar. Queremos também avançar no diálogo com os demais partidos, particularmente deste campo democrático e popular”, concluiu.

 


Correio da Paraíba

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.