Setor público selecionará 47,1 mil vagas em 2014

O ano de 2014 está chegando e muita gente já começa a fazer planos para os próximos 365 dias. Para alguns, o projeto imediato é estudar para passar em um concurso público. Para quem se encaixa nesse perfil, boas oportunidades vão surgir ao longo do ano, com algumas seleções já autorizadas pelo Ministério do Planejamento. Há ainda duas empresas que não dependem de autorização para fazer concursos, mas estão prestes a aumentar o quadro de funcionários: a Caixa Econômica e os Correios. O Banco do Brasil está com inscrições abertas para o cargo de escriturário.

De acordo com informações da Secretaria de Gestão Pública do Ministério do Planejamento, pelo menos 47,1 mil vagas de âmbito nacional deverão ser criadas pelo Poder Executivo Federal no ano novo. São oportunidades em ministérios, autarquias e fundações pendentes, porém, de aprovação no Congresso Nacional. Do total de vagas, 4,7 mil terão a finalidade específica de substituir mão de obra terceirizada. A relação de quais ministérios, autarquias e fundações deverão abrir concurso, no entanto, não foi divulgada ainda.

Segundo a assessoria de imprensa do Ministério do Planejamento, “as autorizações ocorrem ao longo do ano, depois de decisões caso a caso, considerando-se as prioridades de governo, as necessidades de pessoal na administração e as condições orçamentárias”. Na Paraíba, a expectativa orbita em torno da seleção pública para cartórios, onde o número de vagas é bem atrativo – no total, são 278 oportunidades oferecidas para todo o estado, sendo 186 por provimento e 92 por remoção. As inscrições acontecerão no período de 20 de janeiro a 21 de fevereiro de 2014 e a taxa será de R$ 200.

O ano que vem será de eleições, o que costuma acelerar a realização de concursos públicos, já que existe um prazo limite para lançamento de editais. Especialmente aqueles nos âmbitos das administrações municipais, estaduais e federal.

Em junho deste ano, a presidente Dilma Rousseff autorizou a criação de 7.098 cargos no Plano Geral de Cargos do Poder Executivo. De acordo com o Ministério do Planejamento, as oportunidades serão preenchidas por meio de concurso público de forma escalonada e ao longo dos próximos anos – significando que, no ano que vem, pode haver abertura de algumas das seleções previstas.

Estão especificadas na lei vagas para a carreira de analista de infraestrutura, o plano de carreiras para a área de Ciência e Tecnologia, a carreira da Previdência, da Saúde e do Trabalho, os planos de carreiras e cargos do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (Inpi) e no Ministério da Saúde e na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Área de conservação ambiental

Depois de muitos anos sem concurso, o Instituto Chico Mendes recebeu autorização para o preenchimento de 241 vagas, por meio da portaria nº 419, de 4 de novembro. São 168 oportunidades para técnico administrativo, 53 para técnico ambiental (esses dois cargos são de nível médio e têm salário de R$ 3.039) e 20 para analista administrativo (nível superior e salário de R$ 5.761).

Para os cargos administrativos, o candidato pode ter como base o concurso do Ibama. Já para técnico ambiental, uma parte do conteúdo deverá ser diferente, porque, enquanto um órgão cuida do licenciamento (Ibama), o outro cuida da preservação (ICMBio).

A portaria nº 423 autorizou a realização de concurso para 30 vagas de analista ambiental, de nível superior. Essas vagas serão para Unidades de Conservação presentes no Complexo da Bacia do Tapajós, que abrange os estados de Mato Grosso, Pará, Rondônia e Amazonas. O salário é de R$ 5.761. O último concurso para esse cargo aconteceu em 2008 e foi organizado pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe) da Universidade de Brasília (UnB). O candidato pode usar aquele edital como base para os estudos, com atenção para atualizar a legislação. Os editais deverão ser publicados até maio de 2014.

Caixa Econômica Federal

A Caixa espera contratar 9.873 funcionários até 2015, sendo 4.850 em 2014 e o restante no ano seguinte (portaria 14, de julho de 2013). O novo concurso deve acontecer logo no início do ano  e o exame não depende de autorização, pois a Caixa se trata de uma empresa de economia pública. As seleções são para cadastro de reserva (os aprovados são chamados conforme a abertura de vagas durante a validade do concurso).

O salário para técnico bancário (nível médio) é de R$ 1.744. Há possibilidade de ascensão na carreira, por meio de cursos internos oferecidos pela estatal.

A Caixa tem tradição de promover concursos a cada 2 anos, e as disciplinas cobradas costumam ser: português, atualidades, matemática, informática, ética, atendimento, conhecimentos bancários, história e estatuto da Caixa Econômica, e legislação específica.

Ministério do Trabalho e Emprego

A portaria 339, publicada em 27 de setembro, autorizou 415 vagas para agente administrativo do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). O salário é de R$ 2.570. O edital terá de ser publicado até março de 2014. A banca examinadora será o Cespe/UnB.

O concurso anterior, de 2008, também realizado pelo Cespe, deve servir de base para estudo até a divulgação do novo edital. As matérias cobradas na época foram: português, direito constitucional, direito administrativo, informática, relações públicas, gestão administrativa e legislação específica. Além disso, outros concursos da área administrativa feitos pela banca também podem servir de referência para o candidato.

A mesma portaria autorizou a realização de concurso para 35 vagas de contador, com salário de R$ 3.980. Ainda para o MTE, a portaria 338, de 27 de setembro, autorizou concurso para 30 vagas de assistente em ciência tecnologia (nível médio) da Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho (Fundacentro), ligada ao ministério.

Agricultura e Pecuária

A portaria nº 327, de 17 de setembro, autorizou a realização de concurso para 796 vagas. De nível superior, são 232 oportunidades para fiscal federal agropecuário, com salário de R$ 11.500, mais 50 para agente de atividades agropecuárias e outras 100 para agente de inspeção sanitária e industrial, ambas com salário de R$ 5.500.

Além dessas, há vagas para formações específicas: 4 para economista, 3 para engenheiro, 3 para geógrafo (com salário de R$ 5.081), 25 para administrador, 2 para bibliotecário, 2 para psicólogo e 6 para contador (todos com salário de R$ 3.980).

Para quem tem nível médio, foram autorizadas 110 vagas para agente administrativo (com salário de R$ 2.570), além de diversas para quem tem nível médio-técnico: 184 para técnico de laboratório (salário de R$ 5.557), 70 para auxiliar de laboratório (R$ 3.543) e 5 para técnico de contabilidade (R$ 2.570). O prazo para o edital é março de 2014.

Correios

O concurso para os Correios era uma boa aposta para 2013 que não se concretizou, mas permanece com grandes possibilidades de acontecer em 2014. O salário está na faixa de R$ 1.800. Assim como a Caixa, os Correios não precisam de autorização para fazer a seleção.

O concurso anterior aconteceu em 2011 e, segundo os Correios, foram contratados cerca de 20 mil funcionários. As matérias cobradas são comuns a outros cargos de nível médio: português, matemática e informática. Assim, a dica é continuar estudando e aproveitar outros editais da área administrativa que aparecerem. Vale lembrar que, para carteiro e operador de triagem e transbordo, há prova física. Então, é bom cuidar também dessa parte da preparação.

Concursos municipais

O candidato deve também ficar atento às oportunidades em concursos estaduais e municipais. Em João Pessoa, já está em andamento o concurso da prefeitura para preenchimento de cargos na Educação.

Várias cidades devem realizar concursos para auditores fiscais.

Recife e Palmas, por sua vez, criaram uma comissão para organizar o concurso. Já o município de Niterói (RJ) realizou o último concurso em 2002, e o Rio de Janeiro também precisa repor seus quadros. Infelizmente, não é possível garantir que todos esses concursos serão realizados de fato. Por outro lado, várias outras cidades (são mais de 5 mil) podem surpreender com editais no próximo ano.

Ministério da Fazenda

A portaria 421, publicada em 4 de novembro, autorizou 1.026 vagas para assistente técnico-administrativo (ATA). A remuneração é de R$ 2.802, e o edital terá de ser publicado até maio de 2014. Esse também é um concurso muito esperado, em razão do número de vagas que devem ser oferecidas, além do fato de cobrar matérias comuns a outros concursos da área administrativa.

Os concursos anteriores (2009 e 2012) foram realizados pela Escola de Administração Fazendária (Esaf) e cobraram as disciplinas de português, direito constitucional, direito administrativo, informática e raciocínio lógico. Além desses temas, a prova de 2009 cobrou ainda direito tributário e direito previdenciário. Já a de 2012 não cobrou essas duas matérias, mas incluiu arquivologia e gestão pública.

Banco

Outra opção para você que pretende ser bancário em 2014.  Os benefícios do concurso banco do Brasil são vários, você tem um bom ambiente de trabalho, além de cerca de 3 salários mínimos mais adicionais, como a opção do plano de saúde, cesta-alimentação e refeição, entre outros benefícios.

Petrobrás

Esse concurso apesar de ser concorrido é sonhado por muitos, com cargos de nível médio e opções de nível superior, a Petrobras oferece um dos melhores ambientes para trabalhar, com direito a cantinho da soneca. O concurso da Petrobras 2014 pode ser lançado já no primeiro trimestre, antes da copa do Mundo, comece a se preparar lendo editais antigos e se preparando através de apostilas e simulados.

BC

O Banco Central é uma opção com salários que chegam a R$ 10 mil. No entanto, para passar, é preciso muita dedicação, já que as provas são conhecidas por serem difíceis, basta se preparar desde já, o edital do concurso do Banco Central deve ser lançado até maio de 2014.

Correio da Paraíba

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.