Secretários de Saúde e Desenvolvimento Social participam da marcha contra dengue

O secretário de Saúde do Estado, Mário Toscano e a secretária executiva de Desenvolvimento Social e Humano, Edina Wanderley representaram o governador Ricardo Coutinho, na marcha do Dia D de combate à dengue em Patos, ato público que aconteceu no último sábado 26 na Praça Edivaldo Motta, seguindo por algumas ruas com distribuição de panfletos orientando como proceder para evitar criatórios do Aedes aegypti, mosquito transmissor dessa virose que mata.

 
O secretário de Saude, Mario Toscano lembrou que a luta contra uma possível epidemia de dengue deve ser encarada com determinação e responsabilidade de todos, numa parceria do Estado com os municípios, participação de todos os segmentos organizados da sociedade, independente de cor partidária e religião
 
Além da 6ª Gerência Regional de Saúde, compareceram o prefeito Nabor Wanderley e membros da Secretaria Municipal de Saude, alem dos hospitais Janduhy Carneiro, o Infantil Noaldo Leite, Maternidade Peregrino Filho, Hospital e Maternidade Sinhá Carneiro, de Santa Luzia, Hemonúcleo e pessoal de alguns municípios, a exemplo de Emas. “Além das ações de combate que serão realizadas, é crucial a parte educativa, para que as pessoas tenham a preocupação de eliminar possíveis criatórios do Aedes”, enfatizou o secretário estadual de saúde.
 
Para o gerente da 6ª Gerência de Saúde, Davi Nunes da Paz, a campanha contra o Aedes está apenas começando e que uma vasta programação está sendo montada para ser trabalhada com a sociedade.  “Esse período de chuvas aumenta o perigo de proliferação das larvas e requer muita atenção de todos nós”, comentou Davi.
 
Já a secretária Edina Wanderley  disse que foi uma caminhando boa, e que o governo está engajado no combate a dengue principalmente aqui em Patos,  onde o foco é maior, e que todas as entidades do estado aqui em patos está unido pra q o mosquito se acabe e fez recomendaçoes a toda a popualçao tenha cuidado nao deixando latas, pneus e outros objetos com água, fazendo sua parte para combater a doença.
 
Para o médico Dinaldo Filho, “Dinaldinho”,  que também participou da caminhada, a conscientização do povo e o envolvimento maior dos órgãos governamentais será o ponto decisivo para combater a dengue, evitando que essa amplie seu raio de atuação e venha causar mortes, através do seu vetor mais letal. Ressaltou ainda, que as ações precisam ser permanentes por parte de todos.
 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.