Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Saúde alerta sobre necessidade de cuidados para combater à dengue

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

A Prefeitura de João Pessoa, através da Secretaria Municipal de Saúde, alerta para a necessidade na prevenção e combate à dengue. Com a chegada do verão, o aumento das temperaturas, da umidade e das chuvas, as condições são ideais para a proliferação do mosquito Aedes aegypti e infecção das pessoas com a dengue, Zika e Chikungunya. Por isso, é importante que a população tome cuidados para evitar o contágio.

A transmissão da dengue acontece pela picada da fêmea do mosquito Aedes aegypti, que naturalmente não possui o vírus, mas o adquire ao picar uma pessoa infectada. Depois de um determinado período de incubação, esse vírus pode ser transmitido para outras pessoas que forem picadas. O vírus da dengue não é transmissível de uma pessoa para outra, a não ser em casos de transmissão vertical (da gestante para o bebê, ou por transfusão sanguínea).

De acordo com a diretora do Centro de Controle de Zoonoses de João Pessoa, Pollyana Dantas, é importante que as pessoas mantenham suas casas limpas e sem focos de água parada, que facilitam a reprodução do mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença. Segundo ela, a Prefeitura está tomando medidas para minimizar o número de casos na Capital.

“Estamos intensificando o combate através de arrastões. No arrastão a gente une os supervisores do bairro, mas também chamamos pessoas de outros bairros. Nós reunimos equipes maiores, com até 30 agentes de endemias, para que entrem naquela área e façam o trabalho em toda a totalidade. Quando necessário é aplicado o larvicida e ainda adquirimos várias bombas postais para ampliar o serviço dos agentes”, explicou.

Fumacê – A Prefeitura fechou uma parceria com o Governo do Estado, que disponibilizou dois carros fumacê para ajudar nesse combate à dengue. De acordo com Pollyana Dantas, a Vigilância Ambiental identifica as áreas que necessitam e os carros vão até lá. Mais de 50 bairros já receberam o serviço.

Cuidados – Em caso de suspeita de dengue, que tem como sintomas febre, dor de cabeça, dores no corpo e articulações, fraqueza e dor atrás dos olhos, entre outros, a pessoa deve procurar a Rede Municipal de Saúde, através das Unidades de Saúde da Família (USFs) ou, em casos graves, as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Exaustão, sobrecarga… por que não reconhecemos os nossos limites?

‘Festa da Adoção’ tenta aproximar crianças e adolescentes de pessoas aptas a adotar

Presidente do PT é acusado de cometer etarismo contra Luiz Couto

Anteriores

edsonfachin

Ministro do STF decide arquivar ação contra reeleição antecipada de Adriano Galdino

Sodiê

Governo da Paraíba dispensa emissão de documentos fiscais em mercadorias doadas ao RS

lovina

MPF intervém e Prefeitura de Cabedelo demole obra ilegal de contenção marítima do Lovina

chuvasrs (1)

Com chuva forte, água sobe pelos bueiros e volta a inundar ruas em Porto Alegre

1af1367b-89e5-4e87-ae7e-586266147ed4

Paraíba participa da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite a partir de segunda

tourinho1 (1)

APCA homenageia imprensa da Paraíba com a Comenda Acadêmico Mário Tourinho

Poste, batida

Paraíba registra 242 colisões em postes este ano; João Pessoa e Campina lideram

Lixão a céu aberto

Prefeitura de Catolé do Rocha deve pagar indenização por lixão a céu aberto

Luciano Cartaxo 3

Luciano Cartaxo tem alta e deixa hospital em João Pessoa

PF operação

Operação da PF mira empresas clandestinas de segurança privada