Santiago receberia 10% de valor de adutora e secretária acabou presa; veja

Secretária parlamentar do deputado federal Wilson Santiago, Evani Ramalho foi presa por corrupção por ter recebido propina que seria destinada ao chefe. A Polícia Federal gravou o momento em que o empresário George Barbosa se encontra com a secretária e lhe entrega o dinheiro em uma sacola de papel no estacionamento de um supermercado em João Pessoa.

Os novos vídeos da Operação Pés de Barro, deflagrada no dia 21 de dezembro, foram exibidos na noite deste domingo, 12,  no Fantástico. Naquela data, o prefeito de Uiraúna foi preso. Ele também foi gravado recebendo propina. Bosco Fernandes escondeu o dinheiro dentro da roupa. Ele pediu afastamento do mandato por causa da prisão e gerou a convocação do vice, Segundo Santiago, que é sobrinho de Wilson.

Segundo a matéria, do valor da Adutora Capivara ( R$ 24,8 milhões) que está sendo construída em Uiraúna, 5% seriam desviados para o prefeito Bosco Fernandes e outros 10% seriam para Wilson Santiago.

O ministro Celso de Melo, do STF, determinou o afastamento do deputado do cargo. Mas, a Câmara Federal, que está em recesso, precisa votar o pedido. O presidente daquela casa legislativa, Rodrigo Maia, prometeu colocar o assunto em votação no retorno ao trabalho que deve acontecer no dia 3 de fevereiro.

 

Comentários