Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Saída de Raúl Castro marca nova era em Cuba, diz Anistia

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

A Anistia Internacional (AI) afirmou nesta segunda-feira (16) que o fim do mandato do presidente de Cuba, Raúl Castro, deve representar “o anúncio de uma nova era para os direitos humanos” na ilha. A informação é da EFE.

A organização internacional publicou hoje sua proposta de roteiro para o novo governo cubano com o título “Transformar o enfrentamento em diálogo”, com a qual ilustra como melhorar o histórico de Cuba no que diz respeito aos direitos humanos.

Após completar dois mandatos de cinco anos, Raúl Castro deverá deixar a Presidência do país na próxima quinta-feira (19), momento que, segundo a AI, será uma “oportunidade histórica” para “estabelecer um diálogo essencial e construtivo sobre o futuro de Cuba”.

Raúl e seu irmão mais velho, o já falecido Fidel, comandaram o país durante quase 60 anos. O herdeiro mais provável, o primeiro vice-presidente Miguel Díaz-Canel, nasceu um ano após a revolução e tem um perfil público muito mais discreto.

A diretora para as Américas da AI, Erika Guevara, disse que o novo presidente deve “consolidar os progressos em Cuba em matéria de direitos humanos, em áreas como o acesso à assistência médica e à educação”.

A representante da Anistia Internacional, que tem vetada a entrada no país caribenho há quase 30 anos, defendeu que Cuba “deve abordar as restrições que persistem sobre o direito à liberdade de expressão e de reunião pacífica”. Além disso, as autoridades “devem garantir os direitos de toda a população cubana”, inclusive os dos que “criticam o governo”, pontuou.

Para isso, é preciso “acabar rapidamente com a censura, colocar o sistema de justiça penal em consonância com as normas internacionais e abordar a discriminação em todas as suas formas”, opinou a diretora.

Segundo a AI, continuam acontecendo “detenções e atos de intimidação e assédio contra ativistas e jornalistas independentes” e, nos últimos três anos, no mínimo 11 pessoas teriam sido presas “unicamente pela expressão pacífica de suas convicções”.

Medidas concretas

A ONG propõe em sua agenda de direitos humanos para Cuba a adoção de 15 medidas concretas em cinco áreas chave para fazer frente aos “prementes desafios pendentes há muito tempo que o novo governo deve considerar prioritários”.

Tais medidas incluem a necessidade de o governo de Cuba estabelecer uma “relação construtiva” com os observadores internacionais de direitos humanos e a realização de reformas que garantam a liberdade de imprensa, assim como a elaboração de uma legislação integral contra a discriminação.

A permissão para poder inscrever em cartórios todas as associações cívicas e o reforço da independência do Poder Judiciário são algumas das outras reivindicações da AI, que também reitera seu pedido para que seja suspenso o embargo dos Estados Unidos a Cuba.

Agência Brasil

 

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Arthur Urso leva “esposas” para passear sem roupa íntima na orla de João Pessoa

Professores da UFPB desistem de candidatura e apoiam Terezinha e Mônica

Anteriores

jacksonemarcos (1)

Presidente do PT da PB explica presença na PH: “O evento era do PSB, não do PP”

UFPB-entrada-683x388

UFPB terá urnas em todos os centros de ensino nesta quinta; veja locais

Energisa trabalhando na Torre

Ocorrência deixa áreas da Torre sem energia e concessionária atua para normalizar serviço

ALPB 31

ALPB define nova data para audiência com Pollyanna Loreto e oposição questiona ausência

Glicério Feitosa, candidato do NOVO a prefeito de Bayeux

Glicério Feitosa cita “péssima” gestão de Luciene e indecisos para vencer eleições em Bayeux

Polícia civil, viaturas, central

Operação da PC prende ‘contadora’ do tráfico em João Pessoa e cumpre mandados de busca no sertão

Aimee Garcia, atriz de Dexter

Aimee Garcia, de ‘Lúcifer’ e ‘Dexter’, é confirmada para a edição 2024 do Imagineland

terezinhaemonica (1)

Eleições na UFPB acontecem nesta quinta; 46 mil estão aptos para votar

PM, viatura passando

Criminosos sequestram motorista de aplicativo, trocam tiros com a PM e dois são baleados

Dinheiro 21

INSS começa a pagar nesta quarta-feira décimo terceiro antecipado