Roberto Santiago nega relação com Prefeitura e Câmara de Cabedelo

Em nota encaminhada à imprensa no início da tarde desta terça-feira (3), o empresário Roberto Santiago disse que está “profundamente surpreso” com a Operação Xeque-Mate, onde foram cumpridos busca de busca e apreensão em sua residência e no Manaíra Shopping.

Roberto Santiago disse que não cometeu nenhum ato ilícito e nega qualquer relação administrativa ou funcional com os Poderes Executivo e Legislativo de Cabedelo.

A operação Xeque-Mate foi deflagrada na manhã de hoje pela Polícia Federa e o Ministério Público da Paraíba, onde foram presos 11 pessoas, entre eles o prefeito de Cabedelo Leto Viana e cinco vereadores. A operação teve como objetivo desarticular um esquema de corrupção na administração pública de Cabedelo, no âmbito dos poderes executivo e legislativo municipal.

Confira a nota de Roberto Santiago na íntegra:

NOTA À IMPRENSA

Construí minha vida tendo como signo o trabalho honesto e estou profundamente surpreso com a operação ocorrida hoje. Tenho a plena convicção de que não cometi nenhum ato ilícito e não tenho qualquer relação administrativa ou funcional com os Poderes Executivo e Legislativo de Cabedelo. Estou, e como sempre estive, colaborando e à disposição da Justiça e das Instituições.

Roberto Santiago

1 comentário

  • wagner
    14:33

    tem o dedo do ‘prosador’ aí….

Comentários