Ricardo se reúne com Armando e promete reativar Conselho Político

As recentes ameaças de dissidência do deputado federal Armando Abílio (PTB) foram tratadas por ele hoje à tarde em uma reunião com o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho. Durante o encontro, Armando expôs sua insatisfação com a perspectiva de apoio dos Democratas e a possível inserção de Efraim Morais como candidato ao Senado na chapa encabeçada por Ricardo. Por sua vez, o socialista tratou de debelar as chamas da mágoa petebista, garantindo a Armando que reconhece a importãncia do partido e da composição anunciada pelo próprio deputado. Segundo o presidente do PSB paraibano, os aliados de primeira hora têm voz prioritária na condução do processo de alianças. Prova disso é que Ricardo vai retomar a figura do Conselho Político, instrumento usado na campanha passada para congregar as legendas de seu arco de apoios.

Segundo o prefeito, a primeira reunião do Conselho Político vai se dar no dia 24 deste mês e deve congregar pelo menos oito representações partidárias. Ele acrescentou que a chapa para 2010 ainda não está formada e que não é hora de discutir sobre arrumações que sequer chegaram a ser feitas.

O presidente do PTB municipal, Tavinho Santos, ocupou hoje os meios de comunicação para negar que seu partido pretenda se aliar ao governador José Maranhão (PMDB) como chegou a ser especulado por causa das insatisfações de Armando com o rumo dos apoios recebidos por Ricardo Coutinho: "Essa possibilidade nunca houve. Nós só precisamos conversar mais para que o PTB tenha seu valor e seu pioneirismo nesse projeto reconhecidos. Armando chegou a ser chamado de mãe Diná por Efraim quando pregou a união de PSDB e PSB. Isso precisa ser dito e reconhecido".

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.