PSOL reconduz presidente e escolhe candidato ao Governo

Acabou hoje de manhã, em reunião realizada no Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos da Paraíba, o impasse no PSOL da Paraíba. O diretório estadual, cuja eleição havia terminado empatada no início de novembro, será presidido novamente por Fabiano Galdino, que concorria à reeleição. Já o adversário, Tárcio Teixeira, será o candidato do partido ao Governo do Estado em 2014.
 
“Minha recondução é fruto de um acordo que consolidou as lideranças do partido. Nosso objetivo será o de ampliar a ação do PSOL no estado da Paraíba e de preparar uma boa chapa proporcional com vistas à Assembleia Legislativa e a Câmara Federal”, destacou Fabiano Galdino. O novo presidente ainda frisou que “do ponto de vista de classe, a recondução ao cargo de presidente do PSOL da Paraíba é a de um carteiro. No plano político, não deixa de ser uma simbologia do partido”.
 
Acerca dos nomes para a disputa ao Governo do Estado em 204, o presidente da sigla ainda enfatizou que, durante os debates do partido, o nome de Tárcio Teixeira se manteve consolidado como pré-candidato. “Vamos fazer toda uma discussão programática para enfrentar o Governo do Estado. Pretendemos fazer uma radiografia para detectarmos todos os problemas”, disse,
 
A chapa majoritária ainda terá o professor Nelson Junior como postulante ao Senado. A vaga de vice será ofertada para atrair uma eventual aliança com outros partidos do campo de esquerda como PSTU e PCB.
 
“As forças políticas da Paraíba têm se repetido. O aliado do governador, o Cássio Cunha Lima, teve seu mandato cassado, mas ainda assim seu nome surge como alternativa. A impressão que se tem é que a justiça errou em caçar o candidato, o que não é verdade. Não queremos apenas substituir o governo, queremos propor uma nova forma de governar”, finalizou Fabiano.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.