PSB decide amanhã se aceita Expedito Pereira de volta

O presidente estadual do PSB, Edvaldo Rosas, confirmou para amanhã, à noite, na sede do partido em João Pessoa, a reunião da Executiva Estadual da legenda, para deliberar sobre assuntos polêmicos. Dentre eles, a expulsão de seis prefeitos que se posicionaram contra a orientação política da legenda nas eleições do ano passado, e o retorno do ex-deputado estadual e ex-prefeito de Bayeux, Expedito Pereira, aos quadros de filiados da legenda.

A Executiva Estadual também deverá definir também, como adiantou Rosas, um calendário de eventos para este segundo semestre do ano, a ser iniciado neste mês de julho com a realização dos encontros regionais do PSB em vários municípios paraibanos, com vistas às eleições do próximo ano.

De acordo com Edvaldo Rosas, a partir de julho o PSB terá uma agenda cheia de atividades em todo o Estado, começando com os Encontros Regionais. Em agosto, a programação prossegue com a promoção de cursos de formações. Em setembro haverá os congressos municipais, para escolhas dos diretórios municipais. Em outubro o Encontro Estadual e em dezembro, a programação será encerrada como o Congresso Nacional do partido.

No entanto, o ponto mais esperado da reunião da Executiva do PSB, convocada para amanhã, é a deliberação do retorno de Expedito Pereira aos quadros de filiados do partido. O retorno do ex-prefeito e ex-parlamentar é uma indicação da direção municipal do PSB em Bayeux, como forma de garantir o lançamento de sua candidatura a prefeito nas eleições de 2012, dentro do projeto político da sigla que já tem pré-candidaturas à prefeitura de 106 municípios.

Diretório de Bayeux apoia o retorno – Após ter se desfilado do PMDB há dois meses, o ex-deputado Expedito Pereira, revelou que vem recebendo convites de vários partidos para uma filiação, mas que a tendência é mesmo retornar ao PSB, legenda ao qual já foi filiado. De acordo com ele, as conversas com os dirigentes socialistas no Estado estariam bastante avançadas, inclusive, com um pedido do diretório municipal de Bayeux da legenda ao diretório estadual, solicitando sua filiação.

Entretanto, ele ainda estaria estudando as propostas de partidos como o PSDB, PDT, PSL, PPS, PR, PRB, PSC e PSD. “Ainda não está nada fechado com o PSB, pois todos esses partidos também me convidaram e eu estou analisando cada um deles. Além disso, tenho até outubro para tomar uma decisão final, então, até lá, vou estudar com cautela as propostas de cada um”, disse acrescentando que apesar dos convites, a tendência é marchar junto com o PSB.

“Sempre fui muito bem recebido pelo PSB, já conheço o partido por ter sido filiado, e, além disso, tenho muitos amigos lá dentro que são próximos do governador e que querem que eu me filie, inclusive já estão solicitando meu retorno a instância estadual do partido, porém, vamos aguardar, ainda tenho tempo”, ressaltou.

 

Correio da Paraíba

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.