Projeto prevê colocação de horários da coleta de lixo em placas informativas

Ocupando a tribuna na sessão ordinária da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), na manhã da quarta-feira (15), o vereador Mangueira (PMDB) informou a elaboração de projetos sociais em busca da melhoria dos serviços à população, como a colocação de placas, em vias públicas, informando os dias e horários da coleta de lixo domiciliar; e a possibilidade de os usuários deficientes poderem descer dos ônibus fora das paradas obrigatórias, desde que não interfira no itinerário normal do veículo. O parlamentar ainda exigiu das autoridades uma reação efetiva em relação a “onda crescente de violência que assola a cidade”.

Atuação enérgica contra a pedofilia no estado foi uma das temáticas do pronunciamento da vereadora Sandra Marrocos (PSB) ao ocupar a tribuna da Casa. Ela enfatizou que abuso sexual de menores não é prostituição, e sim crime e violência, que precisa de muita atenção em relação a esses jovens prejudicados. A parlamentar também lembrou a necessidade de relocação do Aeroclube, localizado no Bairro do Bessa, em área extremamente populosa, gerando perigo aos moradores da região. Ela lembrou da queda de uma aeronave naquela área na semana passada.

Seguindo a temática do pronunciamento de Sandra Marrocos, o vereador Bosquinho (DEM) usou a tribuna para informar que encaminhou solicitação à Prefeitura de João Pessoa (PMJP) requerendo o remanejamento do Aeroclube através de permuta, criando na área atual um parque público, com quadras poliesportivas e diversos equipamentos de arte e cultura.

O vereador Tavinho Santos (PTB), também da tribuna, informou que realizará no próximo ano um “grande seminário” sobre a cidade de João Pessoa, baseado em cinco eixos fundamentais, para firmar um pacto pelo desenvolvimento da Capital com projeção a 2020, com a seguinte prerrogativa: “Que cidade nós queremos?”.

De acordo com o parlamentar, a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e todos seus segmentos administrarão as questões relacionadas aos eixos fundamentais das discussões que serão: Segurança Pública e Cidadania; Transporte e Mobilidade Urbana; Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano; Política Social para Juventude; e Política de Emprego e Renda.

“Discutiremos exaustivamente com a sociedade e os técnicos da Universidade com pronunciamento da CMJP para realizarmos um levantamento das áreas mais críticas, buscando as soluções e identificando qual o real papel do município nesse processo. Todas as discussões estarão voltadas para abranger os problemas da Grande João Pessoa.

Outro orador da tribuna foi o vereador Sérgio da Sac (PRP), que solicitou à Casa mais tempo para as análises dos projetos em votação no plenário. Ele também solicitou mais atenção aos governantes em relação ao problema da violência que “vem dizimando os jovens da cidade”. E ainda requereu à prefeitura o policiamento das praças pela Guarda Municipal, fiscalização em trono dos investimentos voltados para a Copa de 2014 e a revitalização do Centro da Capital

Requerimentos – Na mesma plenária, os vereadores encaminharam mais 43 requerimentos para serem apreciados pela Casa. Encaminharam solicitações os seguintes vereadores: Mangueira, 18; Felipe Leitão (PRP), 15; Durval Ferreira (PP), nove; e Marcus Vinícius (PSDB), uma solicitação.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.