Presidência da Câmara divulga nota e nega irregularidades

Em nota, a Presidência da Câmara Municipal de João Pessoa negou hoje qualquer existência de nepotismo na Casa e desafiou quem quer que seja a provar o contrário. Sobre a denúncia de acúmulo de três cargos pelo servidor Benedito Tomaz de Oliveira Filho, o presidente informou que ele é funcionário efetivo da Secretária de Educação do Município, acumulava também cargo na Emlur, mas já teria optado por uma das funções e hoje está a disposição da Câmara.
 
Na nota, o vereador Durval Ferreira destacou que, desde que assumiu a Presidência da mesa diretora, adotou procedimentos legais para poder admitir um servidor público e evitar, com isso, a nomeação de alguém que tenha até 3º grau de parentesco com qualquer parlamentar.
 
Ainda na nota, Durval lembrou que sempre primou pela moralidade, transparência e ética no serviço público. Ele estranhou, entretanto, que a denúncia tenha sido feita anonimamente à Promotoria de Justiça e Defesa do Patrimônio Público.

O presidente finalizou deixando claro que o Poder Legislativa Municipal sempre disponibilizou e vai continuar disponibilizando ao Ministério Público, sem nenhuma dificuldade e atendendo a lei, as informações necessárias sobre o quadro de pessoal da Casa.

 
Atenciosamente
 
Presidente da Câmara Municipal de João Pessoa:
 
Vereador Durval Ferreira (PP)
 
João Pessoa, 10 de janeiro, de 2012  

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.