Prefeitura inicia 1ª etapa de obras do Mercado da Torre

O projeto de reforma do Mercado da Torre foi iniciado nessa quinta-feira (14), pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP). Nesta primeira parte do projeto será construído o galpão que abrigará os comerciantes de carnes e derivados. Para isso, a construção atual será demolida e os comerciantes relocados para outra parte do mercado. O custo total da reforma é da ordem de R$ 6 milhões e a previsão de entrega é de 18 meses.

Os trabalhos são coordenados pela Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) em parceria com as secretarias de Planejamento (Seplan) e Desenvolvimento Urbano (Sedurb). “A licitação foi realizada em uma única etapa, mas a obra precisará relocar os comerciantes pelo menos três vezes”, explicou o chefe da Divisão de Abastecimento Alimentar, Antônio Amaral Cunha. Ele acrescentou que não será necessário construir um anexo para abrigar os boxes provisórios e que a relocação ocorrerá dentro da própria área do mercado.

A iniciativa visa não interromper o comércio no local, e, com isso, garantir que os comerciantes realizem suas atividades mesmo durante a reforma. Até agora, 240 foram cadastrados pela Sedurb. Além de melhorar a aparência do mercado, a obra seguirá os mesmos padrões de acessibilidade, higiene e segurança utilizados nas demais construções da Prefeitura de João Pessoa (PMJP). Outra preocupação foi setorizar o comércio separando as mercadorias por tipo.

Interdição
– Devido às obras de reforma no Mercado da Torre um trecho da Rua Feliciano Dourado até a Rua Caetano Filgueiras será interditado a partir desta sexta-feira (15). Como vias alternativas, os motoristas podem utilizar as Avenidas José Américo de Almeida (Beira Rio) e Carneiro da Cunha. Agentes de trânsito estarão no local para orientar os  condutores e pedestres.

O Mercado da Torre tem uma das feiras livres mais tradicionais de João Pessoa. Inaugurado no dia 30 de novembro de 1962, ele oferece diversidade de produtos. O mercado possui uma área total de 5 mil metros quadrados e abriga atualmente 255 boxes que comercializam carnes, frutas, verduras e derivados do leite.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.