Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Prefeitura fecha orla e parques da Lagoa e Parahyba

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PV), anunciou por volta das 11h30, que um decreto municipal estabelece o fechamento da orla marítima desde a faixa de areia até a praia, além dos parques da Lagoa e Parahyba. “Quem quiser voltar às atividades normais, precisa colaborar e ficar em casa. Se parte da população não colabora e não dá resposta expressiva, significa que precisaremos adiar o retorno das atividades”, disse Cartaxo.

O fechamento das praias e da orla foi antecipada pelo ParlamentoPB logo no início da manhã. A medida, destacou o prefeito, reforça o isolamento social, apontado como principal medida para combater o coronavírus nesse momento.

“Por conta do avanço do número de casos de coronavírus, entendemos que há necessidade de novas medidas”, disse ainda Luciano.

O prefeito destacou ainda que “só podemos voltar a ter abertura se a gente conseguir subir o grau de isolamento social na cidade de João Pessoa”.

As medidas integram o novo decreto assinado e anunciado hoje pelo prefeito. O principal objetivo é reforçar o confinamento da população, que nas últimas semanas têm relaxado no cumprimento as medidas de isolamento social.

Fiscalização – O procurador-geral do município, Adhelmar Régis, disse que já a partir de amanhã (5) a Prefeitura estará iniciando uma fiscalização nesses locais para combater a aglomeração de pessoas.

“O decreto fecha todos os calçadões da praia. Fica vedada qualquer atividade nesse local e a prefeitura vai iniciar a fiscalização contra a aglomeração de pessoas. No fim de semana vimos que as calçadinhas da praia estavam servindo para aglomeração, ao contrário das medidas de isolamento tão necessárias. Não restou outra alternativa à prefeitura, porque a lei maior que deve prevalecer é a saúde pública. Entre as sanções previstas estão as criminais para quem desobedecer”, afirmou Adhelmar Régis.

Novos leitos – Na ocasião o prefeito anunciou a abertura de novos leitos hospitalares em João Pessoa. Segundo ele, 60% dos pacientes que estão ocupando leitos do sistema de saúde de João Pessoa são, na maioria, de pacientes de cidades da região metropolitana e de outras cidades do interior do estado.

O aumento do número de casos tem levado a ocupação de enfermarias e UTIs na capital, o que tem deixado em alerta os especialistas em saúde.

75% dos leitos de enfermaria estão ocupados hoje em João Pessoa, segundo Felipe Proenço, professor da UFPB e Doutor em Saúde.

Abertura de hospitais – O prefeito Luciano Cartaxo anunciou também que o Hospital Prontovida, antigo HTOP e Prontocor, deve estar pronto amanhã. O equipamento é dedicado ao atendimento de pacientes com Coronavírus.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

UEPB: uma crise democrática

Confusão continua: TRE nega ter chancelado posse de Raissa Lacerda na Câmara

Anteriores

18bd9ff91c351eb1c5acabe58386cabb

Inmet emite alertas de acumulado de chuvas para João Pessoa e outras 90 cidades da Paraíba

SMS_Dia_D_Poliomielite_Foto_Kleide_Teixeira_09-scaled

João Pessoa realiza ‘Dia D’ de vacinação contra poliomielite neste sábado

WhatsApp Image 2024-06-14 at 17.41.17

TCE-PB divulga número de servidores contratados nos municípios do Estado

e566060c-5de1-4ed1-8356-d3e59a96bccb

João Azevêdo inspeciona obras com investimentos de R$ 87,5 milhões em Princesa Isabel e Tavares

1718377352730

Sabadinho Bom tem Joca do Acordeon como atração neste fim de semana

IMG_6802-scaled

Alunos da Rede Municipal de Ensino de João Pessoa participam de torneio de robótica neste sábado

WhatsApp Image 2024-06-14 at 15.00.05

Pré-cadastro de pessoas interessadas em doar sangue no Dia do Orgulho LGBT começa nesta sexta

polícia-militar-pm-paraíba

Concurso da PM e Bombeiros da Paraíba terá pelo menos mais 200 convocados

Cofeci - Emirados Árabes 2

Cofeci e Emirados Árabes iniciam intercâmbio voltado ao mercado imobiliário

Wellington Farias 2

Wellington Farias será homenageado no Caminhos do Frio em Serraria