Praias de João Pessoa não registram manchas de óleo

Novas manchas de óleo foram encontradas na tarde de ontem em praias do Litoral Sul da Paraíba pela Capitania dos Portos. Foram gotículas vistas nas praias do Pontal, Bela e de Pitimbu, no município do mesmo nome, além de Tabatinga, Coqueirinho e Tambaba, no Conde. Apesar disso, a Secretaria de Meio Ambiente de João Pessoa informou que na capital do Estado não houve surgimento de manchas.

As equipes da Divisão de Fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente (Semam) da Prefeitura Municipal de João Pessoa fizeram nesta sexta-feira (24) um monitoramento das praias da região sul da capital. Foram vistoriadas as praias de Barra de Gramame, Praia do Sol, Jacarapé, Penha e Seixas. Em todas as praias vistoriadas não foram encontrados resquícios de manchas de óleo.

O litoral de João Pessoa tem 24 quilômetros de praias de águas calmas e mornas, com temperaturas que podem chegar aos 30° nessa época do ano. São praias ideais para o turismo em família, onde as crianças podem ficar à vontade.

Desde agosto de 2019, quando surgiram as primeiras manchas de óleo no litoral do Nordeste, os técnicos da Semam vêm intensificando o monitoramento das praias de João Pessoa, numa força tarefa que incluiu parceria com Capitania dos Portos e secretarias de meio ambiente de prefeituras de cidades do litoral.

Os geógrafos e biólogos da Semam mergulharam nas áreas das piscinas naturais de Picãozinho e Seixas, para verificar se os corais tinham manchas de óleo, o que felizmente não ocorreu. Nesses mergulhos foram produzidas imagens subaquáticas, com registro da condição daqueles ambientes marinhos.

Em todos os monitoramentos das praias, são utilizados drones para captação de imagens que possibilitam aos técnicos avaliar a condição da água do mar, verificando se existem manchas de óleo, bem como da areia.

Comentários