Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Policiais civis recusam PEC 300 de Maranhão e entram em greve

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

A Associação dos Policiais Civis de Carreira da Paraíba anunciou hoje à noite a decisão, tomada em assembleia geral, de deflagrar uma greve por tempo indeterminado a partir de segunda-feira, 25. Em uma carta aberta à população, a entidade alega que a chamada PEC 300 da Paraíba não contempla os policiais civis e que o reajuste prometido no guia eleitoral do governador José Maranhão (PMDB), candidato à reeleição, é diferente do que consta no texto remetido à apreciação dos deputados estaduais paraibanos.

Confira a carta da Aspol:

CARTA ABERTA AO POVO PARAIBANO


Os policiais civis de carreira da Paraíba, ocupantes dos cargos de Agente de Investigação, Escrivão de Polícia Civil, Agente de Telecomunicação e Motorista Policial, vem perante todo o povo paraibano INFORMAR QUE RECUSAM O SUPOSTO REAJUSTE OFERECIDO NA MENSAGEM Nº 59, enviada pelo Governador licenciado José Targino Maranhão, em 19 de outubro de 2010, pelos seguintes motivos:


1) a promessa feita pelo referido governador-candidato, em seu guia eleitoral de número 05, em equiparar a remuneração dos policiais da Paraíba com os de Sergipe não foi cumprida no tocante a Polícia Civil, que recebeu valores inferiores e que desrespeitam os requisitos para cálculo da remuneração de profissionais de nível superior;


2) Os policiais civis recusam-se a participar da farsa divulgada na referida proposta e que ficou conhecida como “PEC da Paraíba”, tendo em vista que nem de longe trazem os benefícios contidos no projeto que corre a nível nacional;


3) Pela dignidade, honra e espírito de luta dos que fazem a Polícia Civil da Paraíba, o Excelentíssimo Senhor Governador, pode devolver aos cofres do Estado esta humilhação pública a que quis submeter os integrantes de nossa categoria.


Informamos ainda que paralisaremos nossas atividades, por tempo indeterminado, a partir das 00:00h do dia 25/10/2010, até que o chefe do Poder Executivo envie nova mensagem à Assembléia Legislativa, corrigindo os valores para a Polícia Civil, passando a considerar a remuneração bruta dos policiais civis de Sergipe e que a escala de funcionamento das Delegacias será divulgada a imprensa semanalmente, para conhecimento de toda a população. Convidamos ainda toda a imprensa paraibana para se fazer presente no próximo dia 25 de outubro de 2010, na Praça João Pessoa, às 09:00h, para um café da manhã que será oferecido a todos os policiais civis e convidados. Por fim, reiteramos o nosso compromisso com a segurança pública da Paraíba e com o povo paraibano, não se deixando enganar por promessas feitas e não cumpridas.
João Pessoa, 22 de outubro de 2010.
 
ASPOL/PB – Associação dos Policiais Civis de Carreira da Paraíba

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Banco do Nordeste nomeia novo superintendente na Paraíba

Prefeito paraibano fala de “infelicidade” de ter filhos autistas e servidora acrescenta: “São doidos”

Anteriores

imagem_2024-06-25_131911480-2

Juiz suspende reunião do PSOL que decidiria pelo apoio a Cartaxo

prefeito

Opinião: Atriz atua e não substitui responsabilidade social de gestor

onibus

Ônibus colide com poste no bairro dos Bancários, em João Pessoa

concurso-policial-penal

MPPB, secretarias e sindicato deliberam sobre concurso para policial penal

banheiro

Suspeito de estuprar mulher durante festa de São João em Santa Rita é preso nesta segunda

Dinheiro muito

Prazo para 16 ganhadores do Nota Cidadã resgatarem R$ 40 mil em prêmios termina dia 20

João Almeida, foto divulgação

Ex-vereador João Almeida está internado após cirurgia cardíaca

Programa Justiça 4.0

Programa Justiça 4.0 abre 35 vagas de trabalho

INSS na Paraíba

Servidores do INSS na Paraíba entram em greve por tempo indeterminado a partir desta terça-feira

Celso Batista e Luciano Cartaxo

PSOL decide hoje se mantém pré-candidatura de Celso Batista ou apoia Luciano Cartaxo