Polícia volta a prender suspeito por morte do ator e professor Simão Cunha; vídeo gravou ataque

O homem preso ontem pela Polícia Militar, e solto no final da tarde, suspeito de ter matado o ator e professor de teatro Simão Cunha, foi preso novamente nesta quarta-feira (9) pela PM.

O suspeito, identificado como Skank, foi encaminhado a Central de Polícia, onde será apresentado ao delegado do caso.

A nova prisão do suspeito, que havia sido liberado por falta de provas, aconteceu após a polícia ter acesso a um vídeo que mostra que o artista pode ter sido vítima de homicídio e não de latrocínio, roubo seguido de morte, segundo informações do capitão Sena.

No vídeo a vítima aparece nas imediações do Centro Histórico de João Pessoa, ao lado do suspeito. Uma pessoa que estava na companhia do ator chegou a lutar com o suspeito e escapou com a ajuda de outras pessoas que passavam no local e atiraram pedras no suspeito.

 

Polícia volta a prender suspeito por morte do ator e professor Simão Cunha; vídeo gravou ataque

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.