PM apreende drogas e celulares que seriam arremessados em presídio

A Polícia Militar impediu que pacotes com drogas e celulares fossem arremessados para dentro do presídio Serrotão, na noite dessa sexta-feira (7), em Campina Grande. O material já estava todo embalado e identificado e provavelmente seria arremessado para dentro do muro do presídio com uso de linhas de nylon.

Os policiais do 2º Batalhão informaram que estavam realizando rondas durante a Operação Dia das Mães, quando foram acionados pelo Centro Integrado de operações Policiais (CIOP) para averiguar uma denúncia de disparo de arma de fogo no bairro Serrotão. Ao chegar na localidade, perceberam uma movimentação suspeita em uma das residências, e ao se aproximarem da casa visualizaram que o portão estava aberto.

Com a chegada da PM os suspeitos se evadiram abandonando uma grande quantidade de material que provavelmente seria arremessado para dentro do Presídio Serrotão. Foram apreendidos 600 gramas de maconha e cocaína, 30 celulares, 22 carregadores, 11 chips de celular, duas facas, uma balança de precisão, seis carretilhas de nylon, uma máquina de fazer tatuagem e outros materiais.

Todo material apreendido foi levado para a Central de Polícia, em Campina Grande.

VEJA TAMBÉM

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.