Paraíba registra sete mortes entre 45 internados com quadro grave de gripe entre dezembro e janeiro

A Paraíba registrou sete mortes em casos graves de gripe. São pessoas que foram hospitalizadas em João Pessoa, Campina Grande e Cajazeiras. Os dados foram divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde (SES-PB), nesse sábado (8).

Desde o mês de dezembro até agora, foram processadas 559 amostras para Influenza, sendo que 442 não detectáveis e 116 detectáveis para Influenza. Dos casos confirmados, 104 são do subtipo H3N2 e 12 casos não foram subtipados.

“Dos 116 casos Influenza, 45 casos foram hospitalizados (SRAG – Síndrome Respiratória Aguda Grave). Destes, 07 evoluíram para óbito, 02 do sexo masculino, 05 do sexo feminino. Eles eram residentes dos municípios de: Boa Vista (02), Cajazeiras (01), João Pessoa (02), Pedras de Fogo (01) e Santa Rita (01). Todos com idade acima de 70 anos e fatores de risco/comorbidades para complicações por Influenza como cardiopatia, diabetes, hipertensão e doença respiratória. O primeiro óbito ocorreu no dia 29 de dezembro de 2021, demais ocorreram entre os dias 02 e 08 de janeiro de 2022”, explicou a Secretaria de Estado da Saúde.

Duas mortes aconteceram no Hospital Prontovida, uma no Hospital Edson Ramalho, e uma no Hospital Santa Isabel, sendo as três unidades localizadas em João Pessoa. Um óbito ocorreu no Hospital Regional de Cajazeiras e outras duas mortes foram registradas no Hospital de Clínicas, em Campina Grande.

 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.