Pacientes de Manaus chegam para tratamento contra Covid em Campina

 

O prefeito Bruno Cunha Lima acompanhou, pessoalmente, a operação de recepção ao grupo de 14 pacientes, vítimas da Covid-19, provenientes da cidade de Manaus (AM). A aeronave da Força Aérea Brasileira aterrissou no Aeroporto João Suassuna por volta das 20h30.

Do total original de pacientes definidos para Campina Grande, dois não estavam no local do embarque, em Manaus, no horário marcado e um ficou no Pará, por recomendação médica. Dos 14 que desembarcaram no João Suassuna, sete foram encaminhados para o Complexo Pedro I e sete para o Hospital Universitário Alcides Carneiro. Apenas três apresentaram instabilidade no desembarque.

No aeroporto, Bruno Cunha Lima, que esteve acompanhado do secretário municipal de Saúde, Filipe Reul, registrou a chegada de 16 ambulâncias na pista de pouso para condução dos pacientes aos dois hospitais. Também vistoriou a estrutura de apoio, com cilindros de oxigênio, na lateral da pista de pouso, montada pela Prefeitura para eventual necessidade na assistência ao grupo de Manaus.

Empatia

Em declaração à imprensa, o prefeito de Campina Grande se disse feliz por viabilizar um momento humanitário histórico para a cidade. “Tenho certeza de que, se fosse o contrário, com o sistema de Saúde de Campina colapsado, gostaríamos de receber de outra cidade o mesmo tratamento”, destacou ele, ressaltando a importância da empatia nesses momentos críticos.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.