Oposição na Câmara denuncia manobra de Vítor para se manter na Prefeitura de Cabedelo

Os vereadores José Eudes, Fabiana Régis, Geusa Ribeiro, Josimar de Lima e Herlon Cabral, todos de oposição, denunciaram que o prefeito de Cabedelo, Vítor Hugo, teria utilizado seu aliado, Evilásio Cavalcanti para apresentar na Câmara a Proposta de Emenda à Lei Orgânica nº 001/2019, que trata de diversas alterações na norma mais importante daquela cidade.

Dentre as modificações propostas a que chama mais atenção diz respeito à nova redação que se pretende dar ao inciso I do art. 69, que passará a admitir o afastamento das funções do prefeito, apenas no caso de recebimento de uma denúncia pelo Tribunal de Justiça por crime cometido no exercício da própria função de Prefeito.

Os adversários de Vítor estranharam a proposta dias depois que a Polícia Federal indiciou o vereador e prefeito interino Vitor Hugo por suposta participação em organização criminosa quando do exercício do mandado parlamentar. Os oposicionistas acreditam que o prefeito estaria temendo a possibilidade de ser denunciado pelo Gaeco e passar a ser réu na Operação Xeque-Mate, que apura desvio de recursos públicos na época do então prefeito Leto Viana.

A alteração faria com que Vítor Hugo pudesse ficar no cargo de prefeito mesmo se for incluído como réu no processo.

“A emenda nº 001/2019 pode ser batizada de Emenda da Preservação, casuisticamente voltada para o alcaíde interino. Registramos, que o autor da proposta é justamente o suplente de vereador da linha sucessória de Vítor Hugo e que também foi relator do processo de cassação de diretos políticos do ex-prefeito Leto Viana. Tem cheiro, ou não, de manobra nos ares da cidade portuária? Parece que está sempre em voga a música de D. Teca do Côco: ‘Em Cabedelo, tem uma cobra fazendo grande manobra…'”, diz o texto da oposição.

O ParlamentoPB entrou em contato com Vitor Hugo e ele disse que não estava sabendo da proposta, que não tem nada a ver com o assunto e que se trata de uma questão da Câmara Municipal.

 

6 comentários

  • Lilly
    08:42

    Imagino(e sonho ingenuamente) o dia em que as sugestões de votações na câmara sejam única e exclusivamente em benefício do povo através do qual foram votados para realizarem.

  • Irinéia Costa Lisboa
    08:42

    Uma cidade tão linda, com um imenso potencial de prosperidade está afundando nas mãos de políticos inescrupulosos que ocupam a Câmara e a Prefeitura! É inadmissível que esses vereadores aprovem essas alterações esdrúxulas, apenas para manterem um corrupto no cargo de prefeito. Acorda Cabedelo! Precisamos que as pessoas de bem dessa cidade se rebelem e façam valer seus direitos de cidadãos que anseiam por dias melhores! Já não basta o shopping que não se instalou por conta da ganância e prepotência de dois abutres que pousaram sobre as cabeças dos Cabedelenses? Acordem e reajam, pois é o futuro da cidade que está em jogo!

  • Irlandeci Souto Meira
    08:42

    Já está mas que na hora de dá um basta nessa corrupção daqui de cabedelo ninguém aguenta mais tanta corrupção desses políticos sebosos que só pensa em se beneficiar do dinheiro público por favor gaeco polícia federal já é hora disso tudo mudar.

  • Marcos
    08:42

    Não sei em quem acreditar. Isto para mim é um falta de respeito com o povo de Cabedelo.

  • Nicodemus Trindade
    08:42

    “… cometidas no exercício da função de Prefeito, …” essa é a alteração polêmica acrescentada no texto do inciso I, do art. 69, da Lei Orgânica do Município de Cabedelo. Pois bem, seja por conveniência própria de algum grupo político ou, já prevendo o alcance da Justiça sobre possíveis desmandos ainda ocultos, é claro de que essa proposta de Emenda nº 001/2019 alterando dispositivo da LOM reflete ao contrário das batalhas travadas em todo país nos últimos três anos pelos Órgãos de Fiscalização no combate a corrupção e aos desmandos com recursos públicos. Desta maneira o nosso município não avança, mais sim, retrocede e amplia no âmbito municipal um víeis para continuidade da improbidade administrativa, má gestão dos recursos do município, além de esta proposta ser um fragrante induto a dilapidação do cofre municipal, conferindo-o ao praticante garantias a impunidade, inclusive crime Eleitoral e XM… É lamentável!

  • Lili
    08:42

    Já está mais do que na hora de a PF e GAECO visitarem Cabedelo urgentemente, a população de bem desta Cidade já não aguenta mais ver diariamente os malfeitores travestidos de políticos usurpadores do dinheiro público. Enquanto eles procuram fazer estas manobras esdrúxulas para permanecerem no poder acima do bem e do mal, a saúde se encontra na UTI, a educação nem se fala e Cidade tomada por malfeitores que se escondem por trás de um diploma de político. Polícia federal, GAECO, ministério público e justiça paraibana, Cabedelo clama por justiça. Até quando Jesus, vamos aguardar que a justiça seja feita com o restante da ORCRIM aqui instalada? Venham em Socorro da população urgente.

Comentários