Ônibus voltam a circular em João Pessoa das 6h às 19h com frota reduzida

Última capital brasileira a retornar à operação do transporte público, depois de mais de 100 dias de paralisação, João Pessoa, a partir desta segunda-feira (6) está com os ônibus circulando nas ruas novamente desde às 6h. A  frota determinada para o retorno é temporária e foi dimensionada para atender as áreas que já retornaram as atividades, uma vez que escolas, universidades, shoppings e outros segmentos, por exemplo, ainda estão fechados. A capacidade total dos ônibus em operação vai acontecer de forma gradual, junto com a volta dos demais setores, e as empresas de ônibus manterão uma frota reserva de veículos para situações emergenciais.

A recomendação do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de João Pessoa (Sintur-JP), em alinhamento com a prefeitura da capital, é que a população só saia de casa e utilize o ônibus se for realmente indispensável. Neste primeiro momento de retorno do transporte público, a circulação ocorrerá das 6h às 19h, de segunda a sábado. Nos domingos e feriados não haverá ônibus rodando. Além disso, os intervalos entre as viagens serão reduzidos e, nesta fase inicial da retomada, para atender a demanda atual da população, 40 linhas estarão operando, algumas delas com rotas ajustadas. É possível conferir os itinerários e linhas disponíveis no site https://passelegal.com.br/.

No Terminal de Integração do Varadouro (TIV) somente será possível a integração temporal, com o cartão Passe Legal. A integração física no terminal fica suspensa para proteger os passageiros, evitando que eles fiquem expostos a aglomerações. No TIV, será possível fazer o cartão Passe Legal Cidadão na hora, gratuitamente, bastando informar o número do CPF.

Para garantir mais rapidez nas viagens e comodidade para os passageiros, algumas linhas agora passarão a ter como ponto de retorno o Parque Sólon de Lucena (Lagoa). As linhas que continuarão indo até o TIV estarão sinalizadas com cartazes na frente dos ônibus ou nos letreiros. Essa mudança garante uma redução de 15 minutos do tempo de cada viagem.

Medidas preventivas

De acordo com o Sintur-JP, foi criado um protocolo com medidas de segurança tanto para os passageiros quanto para os operadores do sistema. Para garantir uma distância segura entre os usuários, foi feita uma marcação nos corrimãos e só será permitido, além dos passageiros sentados, que cada coletivo transporte até 12 pessoas em pé. Com isso, os motoristas foram orientados para quando os ônibus estiverem com a lotação máxima não permitirem o embarque e passar direto pelas paradas se ninguém for descer.

Confira abaixo as principais ações de prevenção para combater o contágio de Covid-19 no transporte coletivo:

– 50 colaboradores treinados pelo Sest/Senat, divididos em oito equipes móveis com veículos para deslocamento e equipamentos de proteção individual, vão circular a cidade sanitizando os ônibus e áreas públicas dos principais terminais com pulverizadores;

– Equipes fixas estarão nos principais terminais de bairros e no Parque Sólon de Lucena (Lagoa) fazendo a desinfecção dentro dos ônibus, nas superfícies de contato mais frequente, como os botões de parada, catracas, alças e corrimãos, além do cinto de segurança para os cadeirantes;

– Intensificação da higienização dos ônibus nas garagens;

– Os ônibus ganharam uma proteção divisória para separar os motoristas dos passageiros;

– Antes do início de cada jornada de trabalho, as empresas vão aferir a temperatura dos operadores;

– Todos os motoristas receberam um kit individual com máscara de tecido e álcool em gel;

– Disponibilização de álcool em gel para os passageiros nas portas de embarque;

– Os funcionários do sistema passaram por testagem para Covid-19 e foram vacinados para H1N1.

Recomendações do Sintur-JP

Uma orientação que o Sintur-JP tem reforçado é que a população realize o pagamento da passagem com o Passe Legal. Deste modo, não haverá o contato que ocorre entre passageiro e operador quando o pagamento é feito em dinheiro. Entre as vantagens da utilização do cartão, que é de uso individual, estão a facilidade de higienização, a agilidade no momento do embarque e a economia financeira, uma vez que a passagem no cartão fica R$ 0,15 mais barata.

Quem ainda não tem o Passe Legal Cidadão pode solicitar o cartão pelo WhatsApp no número (83) 99986-0045. O usuário poderá receber o cartão em casa, mediante pagamento de taxa de entrega, ou retirá-lo no container do Sintur-JP no Parque Sólon de Lucena (Lagoa), onde o cartão também está sendo emitido e é possível fazer recarga. Além disso, a sede do Sintur-JP foi reaberta e está funcionando com todos os serviços de segunda a sexta das 9h às 15h e no sábado das 8h às 12h. E o sindicato conta ainda com um ônibus itinerante do Passe Legal, que percorre os bairros com os serviços de recarga e emissão do cartão cidadão.

A recarga do Passe Legal pode ser feita pela internet e assim o passageiro evita ficar exposto ao contato com outras pessoas. Basta acessar o site passelegal.com.br e na opção “Recarregue aqui” selecionar o tipo de cartão. O usuário será direcionado para o Recarga JP, onde todo o procedimento é simples e seguro. Alguns pontos físicos parceiros também estão funcionando. A lista completa está disponível no Instagram @passelegal.

Além disso, o Sintur-JP recomenda que os usuários adotem o hábito de utilizar o aplicativo Jampa Bus. Nele, é possível ver o horário de previsão que o ônibus vai passar e assim o passageiro evita ficar exposto na parada e ter contato com outras pessoas. O aplicativo é gratuito, mostra todas as linhas e horários conforme com o local estabelecido, e favorita a linha do usuário para fácil acesso.

O sindicato orienta que os passageiros não se descuidem quanto à higienização pessoal e não esqueçam suas máscaras de proteção, pois seu uso dentro dos coletivos será obrigatório e os ônibus foram adesivados com a determinação.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.