Ney nega ter ofendido Maranhão e diz que se dirigiu a assessor

Depois de viralizar em um vídeo no qual aparece fazendo um gesto obsceno depois de falar do estado de saúde do senador José Maranhão, o também senador Ney Suassuna (Republicanos) emitiu uma nota e afirmou que não mostrou o dedo da mão direita se referindo ao colega. Segundo ele, o gesto foi dirigido a um assessor que entrou na sala onde a entrevista acontecia. “Qualquer outra interpretação do vídeo significa um atitude maliciosa”, diz a nota que pode ser conferida na íntegra abaixo.

Nota de esclarecimento do senador Ney Suassuna

O senador Ney Suassuna(Republicanos/PB) rechaçou com veemência que tenha mostrado o dedo da mão direita quando se referia a recuperação do estado de saúde do senador José Maranhão, diagnosticado com Covid-19, em recuperação na cidade de São Paulo.

Na verdade, o senador gesticulou com a mão direita ao reclamar da entrada de um assessor na sala onde concedia a entrevista. Qualquer outra interpretação do vídeo significa um atitude maliciosa.

No mais, na mesma entrevista prestou solidariedade ao senador José Maranhão, e desejou pronto restabelecimento, além de rápido retorno ao Senado Federal. Foi o que ocorreu.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.