Morre policial atingido por tiro na cabeça durante fuga de presos do PB1

Morreu no final da manhã desta segunda-feira (10) o tenente  da Polícia Militar Erivaldo Moneta, 33 anos, atingido com um tiro na cabeça na madrugada de hoje durante a fuga de detentos do presídio PB1.

Moneta foi atingido em frente a Academia da Polícia Civil, Acadepol, em Jacarapé.

O policial morreu no Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa, para onde foi socorrido após ser baleado, mas não resistiu ao ferimento.

 

Comentários