Mikika gastou R$ 4 mil para comparecer a votação que não existiu

O deputado estadual Mikika Leitão (PSL) teve que desembolsar R$ 4 mil em passagem aérea para retornar a João Pessoa para atender a convocação para a votação da Lei Orçamentária Anual de 2014, prevista para acontecer na última segunda-feira, 30 de dezembro. A apreciação acabou não ocorrendo por um pedido do deputado Caio Roberto (PR), que solicitou um tempo extra de 15 dias antes de emitir seu parecer sobre a LOA. Quem deu a informação foi o líder do Governo na Assembleia Legislativa, Hervázio Bezerra (PSB):
 
– Mikika estava com a família em Balneário Camboriú, em Santa Catarina, e, ao ser convocado para a votação da LOA, voltou às pressas e teve que gastar esse valor. Por outro lado, eu encontrei Caio Roberto momentos antes da reunião no gabinete do presidente da Assembleia e ele me perguntou se haveria votação. Ou seja, ele não falou nada sobre pedido de adiamento. Só decidiu isso depois que chegou ao gabinete do presidente. Foi um desrespeito!
 
As declarações de Hervázio foram dadas durante o programa Tambaú Debate da Nova Tambaú FM.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.