Maternidade Frei Damião será reconstruída e oferecerá novos serviços

A reconstrução da Maternidade Frei Damião, localizada no bairro de Cruz das Armas, em João Pessoa, foi aprovada, nessa quarta-feira (19) à tarde, durante 1ª Reunião Descentralizada da Comissão Intergestores Bipartite – CIB, realizada em Campina Grande, com a presença dos secretários de Saúde dos municípios daquela região, técnicos da Secretaria de Estado da Saúde (SES) e presidida pelo secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros. Com a reformulação, a maternidade ganhará novos serviços, a exemplo de leitos; enfermarias; salas cirúrgicas; auditório; centro de imagem; sala de telemedicina e outros.

“Esta obra será de grande importância para todo o estado, fazendo com que a obstetrícia ganhe uma maior resolutividade. Fico muito feliz por ela ter sido aprovada na CIB, um instrumento que tem um papel muito importante em benefício da população, já que promove a comunhão dos problemas e assistência à saúde, o que vem contribuir com o foco da nossa gestão, que é servir ao próximo”, disse o secretário.

Entre os serviços assistenciais previstos na reconstrução da Maternidade estão: urgência e emergência, com sete salas, sendo cinco leitos de observação, uma sala de acolhimento de risco e uma de estabilização de vida; ambulatório de especialidades com 21 consultórios; 10 consultórios médicos especializados; um consultório odontológico; duas salas de imunização; 29 enfermarias com quatro leitos cada, totalizando 116 leitos; UTI adulto, com 10 leitos; UTI neonatal, com 20 leitos; centro de parto normal; uma sala de Raio X; uma de mamografia; uma de tomografia computadorizada; uma de ressonância magnética e seis salas de ultrassonografia.

Além da Maternidade Frei Damião, também entrou em pauta na CIB e foi aprovada a aquisição de equipamentos e material permanente para a Unidade de Hematologia e Hemoterapia do Hemocentro da Paraíba.

Para o município do Conde, houve dois pedidos que também foram aprovados: uma Policlínica de Pronto Atendimento; credenciamento e qualificação de 10 Agentes Comunitários de Saúde (ACS). “Foi um ganho muito grande para a população do Conde. A CIB é um fórum onde os municípios podem fortalecer sua rede, um dos grandes desafios do SUS. E a CIB é um dos caminhos”, afirmou a secretária de Saúde do Conde, Renata Martins.

A presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems), Soraya Galdino, falou da importância de realizar a CIB de forma descentralizada. “Chega mais junto dos gestores e acaba valorizando mais a região. É também uma troca de experiências e um momento de vivenciar a realidade de outros municípios”, falou.

Maternidade Frei Damião será reconstruída e oferecerá novos serviços

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.