Marcos Dias detona adversários e diz que candidatura ao Senado é “pra valer”

O candidato ao Senado pelo PSOL, Marcos Dias, foi o mais contundente entre os postulantes entrevistados na Rede Paraíba Sat na série que terminou hoje. Ele criticou fartamente seus adversários Cássio Cunha Lima (PSDB), Efraim Morais (DEM), Wilson Santiago (PMDB) e Vital Filho (PMDB). Entre suas metas, Marcos citou o apoio ao projeto apresentado pela ex-senadora Heloisa Helena (PSOL), que torna a corrupção um crime de natureza hedionda.

– Aqui na Paraíba, tivemos dois candidatos, um é o ex-governador, cassado, temos o Efraim Morais, que nos últimos tempos está em evidência por denúncias de improbidade, mas nossa campanha é de apresentar propostas e também alertar a população. Me preocupo muito com outros dois candidatos que têm tido procedimento nada recomendáveis. Um deles é Wilson Santiago. Eu quero dar publicidade a essa denúncia porque ela foi feita por Jarbas Vasconcelos e talvez justifique a estrutura que está por trás do candidato. O outro candidato, Vital Filho, também foi acusado de conceder passagens aéreas internacionais a parentes.

Indagado sobre a existência de provas quanto aos adversários, Marcos resumiu que as acusações estariam disponíveis na imprensa da Paraíba.

– Eles nunca responderam de forma clara. Isso merece ser esclarecido. A Paraíba merece uma satisfação.

Mesmo admitindo ter dificuldades estruturais severas, como a ausência de assessoria jurídica e contábil, Marcos Dias disse que sua candidatura não é apenas para marcar a inserção de seu partido na disputa:

– Eu sou um idealista. Sei que a campanha da esquerda tem uma função pedagógica, mas estou concorrendo para valer. Eu não pretendo cometer nepotismo, nem sugerir a criação de cargos sem concurso, nem apresentar emendas para ganhar propina. Eu não concordo, também, com o que o candidato Vital Filho disse que apresentou emendas para todos os municípios onde teve mais de 500 votos. Não acho que isso seja um critério. Eu discordo.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.