Maranhão precisou ser sedado e entubado antes de ser transferido para SP

 

O senador José Maranhão precisou ser sedado e entubado na noite de ontem (3) pouco antes de ser transferido para o Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, onde já se encontra internado.

O Hospital Alberto Urquiza Wanderley informou que a transferência de Maranhão para São Paulo ocorreu a pedido da família. Ele foi transferido às 23h40 desta quinta-feira (3).

De acordo com o último boletim divulgado pela Unimed, o paciente precisou ser sedado e entubado, seguindo os protocolos de segurança para remoção aeromédica.

O quadro clínico do senador paraibano José Maranhão (MDB), de 87 anos, se agravou nesta quinta-feira. Com febre e dificuldade para respirar, o parlamentar foi transferido inicialmente para um leito de UTI no Hospital da Unimed, onde estava internado desde a noite de domingo, 29, com diagnóstico de Covid-19.

Confira o boletim médico emitido no final da noite de ontem pelo Hospital da Unimed.

BOLETIM MÉDICO: HOSPITAL ALBERTO URQUIZA WANDERLEY

O Hospital Alberto Urquiza Wanderley informa que, a pedido da família, o paciente José Targino Maranhão foi transferido às 23h40 desta quinta-feira (3) para o Hospital Vila Nova Star, em São Paulo. Seguindo os protocolos de segurança para remoção aeromédica, o paciente precisou ser sedado e entubado.

José Maranhão deu entrada no Hospital Alberto Urquiza Wanderley domingo (29) e vinha apresentando quadro clínico estável. Nesta quinta-feira (3), teve febre e dispneia. Em consequência do agravamento do quadro clínico, foi transferido para UTI.

Fulvio Soares Petrucci
Médico cardiologista

Eliauria Rosa Martins
Médica pneumologista

José Calixto Filho
Diretor clínico e técnico do Hospital Alberto Urquiza Wanderley

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.