Maranhão participa de lançamento do comitê político de Dilma Rousseff

Atendendo a convite da Direção Nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), o governador José Maranhão (PMDB), candidato à reeleição pela Coligação "Paraíba Unida", participa hoje do lançamento do comitê político de campanha da candidata à presidência da República, Dilma Rousseff, em Brasília. Após o evento, o governador também prestigiará o jantar de confraternização com a ex-ministra.

Maranhão estará acompanhado do presidente do PT na Paraíba e candidato a vice-governador na chapa, deputado estadual Rodrigo Soares. Os dois postulantes a uma vaga ao Senado, pela "Paraíba Unida", deputados federais Wilson Santiago (PMDB) e Vital do Rêgo Filho (PMDB), também confirmaram que estarão presentes ao evento.

O governador voltou a declarar que Dilma Rousseff, quando ministra do governo Lula, se revelou amiga da Paraíba. Ele lembrou ainda que chegou a ser uma voz destoante dentro do PMDB quando apoiou Lula, no segundo turno em 89, e que sempre acreditou no projeto do presidente, assim como acredita e defende a candidatura de Dilma Rousseff.

Na convenção nacional do PT, em junho deste ano em Brasília, Maranhão foi saudado pela ex-ministra, com quem teve um encontro reservado logo após o evento.

Já o presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra, garantiu a Maranhão que Dilma terá um só palanque no Estado – o do PMDB. A declaração foi dada durante a realização do encontro estadual do PT em junho deste ano, realizado em João Pessoa, e que indicou o nome de Rodrigo Soares para vice na chapa do governador.

A Coligação "Paraíba Unida" reúne 12 partidos na chapa majoritária. São eles: PMDB, PT, PSC, PTB, PCdoB, PR, PRB, PTdoB, PMN, PHS, PSL e PP. Na aliança proporcional, outros dois partidos – PSDC e PRTB – se somam aos 12.
 
Rodrigo Soares afirmou que a aliança nacional entre PT e PMDB – o candidato a vice na chapa de Dilma é o peemedebista Michel Temmer – continua na Paraíba. “Dilma e Lula têm um compromisso com Maranhão e vice-versa. Nós vamos estar juntos nesse processo para fazer com que a Paraíba e o Brasil possam continuar seguindo em frente”, declarou o petista.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.