Mais dois diretórios do PV são destituídos

O Partido Verde (PV) destituiu os diretórios de mais dois municípios que não apoiaram a candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) ao Governo do Estado e não seguiram as orientações da direção do partido, aumentando para seis o número de diretórios que terão seus dirigentes substituídos.

Segundo o ex-deputado Sargento Denis Soares, presidente estadual do PV, desta vez a intervenção aconteceu nos diretórios municipais de Bayeux e Alagoa Grande, onde as lideranças não acompanharam o apoio ao então candidato socialista Ricardo Coutinho.

De acordo com Denis, que reuniu na última segunda-feira à noite lideranças do PV de todo o Estado para iniciar as discussões sobre os rumos do partido para as eleições de 2012, os novos dirigentes serão escolhidos nos próximos dias, e deverão ser filiados compromissados em colaborar para o fortalecimento da legenda.

“Vamos nos reunir novamente para analisar outros casos e definir, de forma gradativa essas substituições. Até porque, vamos receber nos próximos meses novas filiações ao partido, inclusive lideranças que poderão assumir o comando desses diretórios”, revelou Denis.

A executiva estadual do PV já havia deliberado pela intervenção nos diretórios de Rio Tinto, Conde, Itabaiana e Catolé do Rocha. Segundo o presidente da legenda, outras cidades também devem ter os diretórios modificados, mas por enquanto a decisão foi de intervir nesses municípios. “Nós conversamos, tentamos passar nossa energia positiva, mas o desempenho desses diretórios nessas localidades não foi bom e, por isso, a decisão de destituir suas direções, que serão substituídas por outras”, declarou.

Denis ressaltou que a prioridade da direção estadual é transformar o PV paraibano em um partido competitivo e prepará-lo para as eleições de 2012. “Temos que nos organizar para as próximas eleições e por isso vamos fazer intervenção onde for preciso e levar ao conselho de ética para enquadrar companheiros que não seguiram a orientação da legenda”, revelou, ressaltando que objetivo é levar o PV aos 223 municípios paraibanos.

PSC anuncia filiações na PB –  O presidente estadual do PSC, Marcondes Gadelha, anunciou para o próximo dia 3 ato de filiação de novas lideranças. Segundo ele, com a realização do evento, a legenda deflagra os preparativos para as eleições de 2012, onde a meta é fortalecer o partido para lançar candidaturas próprias a prefeito de vários municípios paraibanos, ou fechar alianças para compor a chapa majoritária.

Sem querer revelar os nomes das lideranças que deverão ingressar no partido no próximo dia 3, Marcondes Gadelha adiantou que o PSC já conta com pré-candidatos a prefeito definidos em Campina Grande, Sousa, Bayeux e Santa Rita. “Nossa expectativa é filiar 250 lideranças de todo o Estado e vamos continuar o trabalho por novas filiações ao partido”, declarou o parlamentar.

Dentre os nomes pré-lançados por Marcondes Gadelha para disputar as eleições de 2012 estão: os do deputado estadual Guilherme Almeida e do vice-prefeito José Luiz Júnior para Campina Grande; Leonardo Gadelha, André Gadelha e Lafeyette Gadelha, este último filho do ex-prefeito Salomão Gadelha, para a Prefeitura Sousa.

Correio da Paraíba

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.